PUBLICIDADE
Topo

Colômbia está na moda: 7 motivos para visitar a terra de García Márquez

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

16/11/2017 04h00

Dona de um passado violento, a Colômbia é um país que tem sabido se vender como um atraente destino turístico. Afinal, não faltam lugares fascinantes para visitar por lá, desde as revitalizadas cidades de Bogotá e Medellín até cartões-postais tradicionais como San Andrés e Cartagena. Abaixo, veja sete atrações imperdíveis no país de Gabriel García Márquez. 

1- Bogotá

Visitante tira foto de obra no Museu Botero, em Bogotá - Adriana Terra/UOL - Adriana Terra/UOL
Imagem: Adriana Terra/UOL

Principal porta de entrada da Colômbia, Bogotá merece ocupar pelo menos dois dias inteiros da agenda do turista que está no país sul-americano. Trata-se uma cidade que mistura interessantes paisagens históricas, muita cultura e vida noturna animada. No centro da metrópole estão a região histórica da Candelária (com fotogênicas e íngremes ruelas) e a Plaza Bolívar (onde se encontram edifícios como o do Poder Judiciário da Colômbia). Lá perto fica o Museo Botero (na foto, com diversas obras de Fernando Botero, um dos mais célebres pintores e escultores colombianos), além de ótimos restaurantes de comida típica. Para uma balada, o lugar certo é a chamada Zona Rosa, com excelentes bares e discotecas animadíssimas.

2- Triângulo do Café

Triangulo do Café, na Colômbia - Marcel Vincenti/UOL - Marcel Vincenti/UOL
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

O café colombiano é um dos mais apreciados no mundo, e grande parte de sua produção é realizada em uma linda região conhecida como Triângulo do Café. É altamente aconselhável que o turista tente conhecer este local, onde é possível se hospedar em hotéis-fazenda de arquitetura colonial, visitar belíssimas cidades históricas como Filandia e explorar, em cavalgadas, áreas como o Vale do Cocora, que exibe as famosas palmas de cera, palmeira que chega a ter mais de 70 metros e é um dos símbolos da Colômbia. Para ter uma aula sobre o produto mais importante da área, visite a Recuca, fazenda onde se aprende o sobre o cultivo dos cafezais e o processamento do café colombiano.   

3- Medellín

Praça Botero, no centro da cidade de Medellín, de Colômbia - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images

Quando esteve praticamente dominada pelo narcotráfico, Medellín foi uma das cidades mais violentas do mundo. Hoje, esta metrópole se encontra em constante processo de revitalização e é um dos centros urbanos mais interessantes da Colômbia. Cercada pelas montanhas verdejantes do Vale Aburrá, Medellín abriga belos espaços públicos (como a Praça Botero, na foto, que exibe diversas esculturas de Fernado Botero) e o centro cultural Palacio de la Cultura Rafael Uribe Uribe. E não deixe de provar um dos nutritivos (e enormes) pratos da culinária local, como o mondongo (sopa de miúdos que vem com arroz, abacate e banana-da-terra). Diversas agências, por sua vez, levam turistas para visitar locais relacionados à história de Pablo Escobar na cidade. 

4- San Andrés

A 700 km da costa continental da Colômbia e próximo à Nicarágua, um pontinho pequenino no mar do Caribe se destaca no mapa da América. O conjunto de ilhas colombianas onde chegaram os ingleses que buscavam novas terras no final da década de 1620 desponta hoje como um dos principais destinos turísticos do país. Com apenas 26 km² de extensão, a paradisíaca San Andrés é a maior e principal delas. - Thinkstock - Thinkstock
Imagem: Thinkstock

Para quem gosta de mar e praia, San Andrés um dos destinos mais atraentes de toda a América do Sul. Trata-se uma ilha colombiana no Caribe cercada por águas translúcidas e de coloração azul-turquesa, perfeitas para um mergulho ou para a prática de snorkel. Duas das melhores faixas de areia do destino são Rocky Cay e San Luis. A ilha, além disso, tem excelente infraestrutura hoteleira, uma vida noturna animada e é um destino particularmente interessante para casais e famílias. E ainda é possível fazer lindos passeios de barco pela área que cerca San Andrés. 

5- Cartagena

Cartagena, na Colômbia - Adriana Terra/UOL - Adriana Terra/UOL
Imagem: Adriana Terra/UOL

A cidade de Cartagena é a principal joia histórica de toda a Colômbia. Localizada no litoral do país, de frente para o mar do Caribe, o destino tem um centro histórico cercado por uma murada e que abriga ruelas e casarios coloridos e românticos. É um lugar para ser explorado a pé, que oferece excelentes restaurantes, pousadas charmosas e cafés ao ar livre extremamente agradáveis. Não deixe de visitar monumentos como a linda Catedral de Cartagena (que começou a ser construída no final do século 16), a fotogênica Plaza de la Trinidad e a Plaza Santo Domingo, cercada por belas construções coloniais. 

6- Parque Nacional Tayrona

Com 15 mil hectares de área, o Parque Tayrona mantém praticamente intacto o ecossistema original do caribe colombiano - Felipe Floresti/UOL - Felipe Floresti/UOL
Imagem: Felipe Floresti/UOL

O Parque Nacional Tayrona é um dos mais fascinantes destinos de ecoturismo da Colômbia. Em seus 15 mil hectares, os turistas podem curtir e acampar em praias de atmosfera selvagem banhadas pelo oceano Atlântico (a La Piscina, Cabo San Juan e a Arenilla são três das faixas de areia mais belas de toda a região). Além disso, ao explorar o interior do parque, os visitantes entram em clima de safári, passando perto de lagos com jacarés, áreas forradas por densa mata e coqueirais e sítios arqueológicos construídos pelos pelos índios tairona, que estão entre os primeiros habitantes desta área. E, além do camping, há opções de hospedagem mais confortáveis dentro do parque. 

7- Santa Cruz de Mompox

Santa Cruz de Mompox, na Colômbia - DC_Colombia/iStock - DC_Colombia/iStock
Imagem: DC_Colombia/iStock

Junto com Cartagena, Santa Cruz de Mompox é uma das cidades históricas mais lindas da Colômbia (e por causa de sua linda arquitetura colonial, foi eleita Patrimônio Mundial pela Unesco em 1995). O local foi fundado em meados do século 16 e, principalmente na sua região central, exibe uma lindo casario antigo, vielas românticas e pracinhas coroadas por igrejas belíssimas. O rio Magdalena também embeleza a paisagem. Entre seus principais cartões-postais estão a igreja e praça de Santa Bárbara, a igreja de San Augustín (do século 17) e o Palacio de San Carlos de Borromeo, que exibe uma das arquiteturas mais lindas da cidade.