PUBLICIDADE
Topo

Casa de campo combina simplicidade e elegância com elementos de demolição

Arquivo Pessoal
Imagem: Arquivo Pessoal

Carol Scolforo

Colaboração para Nossa

09/12/2021 04h00

Soraya Brandi era apaixonada pelo estilo rural brasileiro. Tanto que quanto comprou este sítio, que surgiu da partilha de bens de seu avô, levou tempo para construir.

"Era tudo mato quando chegamos, em 2002", conta. Chegou a pedir um projeto para um arquiteto, mas não era o que sonhavam. Hoje Meu Apê usa sua licença poética para conhecer esta casa de sítio, idealizada pela empresária e o marido, o executivo Julio Cesar de Souza Pinto.

"Um dia, meu marido passou por uma demolição no Bixiga e viu que eles iam jogar fora portas e janelas de pinho de riga. Nessa época, não sabíamos onde íamos colocar e guardamos por anos. Por fim, acabamos comprando material de demolição de duas casas inteiras para construir a nossa", conta.

Soraya ao lado do marido, Julio - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Soraya ao lado do marido, Julio
Imagem: Arquivo Pessoal

Em 2006, a construção começou. "Por quatro anos limpamos todos os tijolos, um por um, com muita satisfação, sabe? Um empreiteiro inteligente ergueu a casa e depois a mobiliamos com coisas ganhadas e muita simplicidade. Não precisava ter nada chique nela. Sempre digo que para o ladrão nada aqui tem valor", ri.

Aos poucos, ela passou a compartilhar tudo no perfil @meusitioencantado - a mesa posta com itens garimpados, flores, frutas e cores faz sucesso entre as postagens. "Gosto do simples com elegância, com carinho. Fazer canudo de mamoeiro por exemplo, colocar a toalha de chita", conta.

Quarto do casal traz cama com cossel - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Quarto do casal tem cama com cossel
Imagem: Arquivo Pessoal
Ambientes integrados com a cozinha e a sala - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Integração entre cozinha e as salas de estar e jantar
Imagem: Arquivo Pessoal

Qual o maior encanto do sítio? "A casa e o ribeirão. Todo mundo quando vê fala que esse lugar 'tem uma coisa'".

Cachorro da família no ribeirão perto da casa - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Cachorro da família no ribeirão perto da casa
Imagem: Arquivo Pessoal
Vista exterior da casa de Soraya - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Vista exterior da casa de Soraya
Imagem: Arquivo Pessoal

Dicas da Soraya para ter uma casa que exale identidade

Mesa posicionada na entrada da casa para confraternizações - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Mesa posicionada na entrada da casa, próxima a porta principal, para confraternizações
Imagem: Arquivo Pessoal
Ambiente externo da casa tem até uma cama, que pode servir para receber convidados - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Ambiente externo da casa tem até uma cama, que pode servir para receber convidados
Imagem: Arquivo Pessoal

  • Exercite a criatividade. "Use o que você tem e crie mesas simples. Seguindo as cores e o estilo da data que você quer simbolizar é possível dar um clima. Inclua guardanapos de pano, eles sempre dão um charme."
  • Comidinhas especiais. "Quando chego no sítio, busco flores e frutas para colocar à mesa e acho que isso faz toda a diferença. Procuro fazer comida no fogão à lenha e experimentar ervas e flores diferentes nas saladas. Isso dá sabor ao lar."
  • Resgate afetividade. "Lembre de coisas da sua infância e rituais que te faziam feliz e traga para a vida de agora. Uma colcha de crochê, uma louça que era daquele tempo, tudo o que remete ao passado tem gostinho bom e evoca amor."
  • Cor. "Coloque mais cor na sua vida. Saiba as que você gosta e aposte nelas nos cantinhos, na mesa posta ou onde você inventar."

@s que me inspiram

@morarnaroçaoficial

“Gosto porque esse perfil traz o rural com elegância. No fogão à lenha, na chaminé eles colocaram aço inox e um cooktop, de um jeito inovador, que sai do rural de leve, muito bacana.”

@ka_farah

“A Karin além de parecer uma fada mistura louça com madeira, várias flores de cores e tipos diferentes. Mostra que você não precisa fazer uma mesa sempre com tudo combinando para dar certo.”