PUBLICIDADE
Topo

Portas nada básicas: cores, formatos e acabamentos para fugir da mesmice

Porta que traz o estilo celeiro de fazenda: toque rústico para decoração moderna - Getty Images
Porta que traz o estilo celeiro de fazenda: toque rústico para decoração moderna
Imagem: Getty Images

Claudia Dias

Colaboração para Nossa

14/09/2020 04h00

Verdade seja dita, a maioria das pessoas que constroem ou reformam um imóvel não se preocupa com a escolha das portas. Afinal, é um item "básico" dentro do universo da arquitetura e da decoração. No máximo, investem numa estrutura mais incrementada para a entrada principal - e olhe lá!

Entretanto, a porta pode ser peça-chave para criar um espaço mais ousado, despojado e cheio de personalidade. E isso não significa investir muito dinheiro, adotar restrições para cômodos específicos ou condicionar a um ou outro estilo.

"Todo projeto pode, sim, ter uma certa ousadia. Mesmo no mais clássico, em que geralmente usamos cores mais neutras, podemos ter uma ou várias portas em tom mais marcante", exemplifica a arquiteta Pati Cillo. O importante, segundo ela, é considerar o perfil dos moradores, o que vai impactar diretamente nas intervenções e no padrão adotado.

Não precisa, também, limitar o toque ousado a poucos cômodos. Se a ideia casar com o gosto dos moradores, vale incrementar a passagem de diferentes espaços, sem cerimônias.

Também não precisa explorar apenas cores incomuns ou vibrantes. É possível adotar o toque irreverente e nada básico em revestimentos e materiais incomuns, bem como formatos e acabamentos inusitados, transformando o espaço de maneira singular, como mostramos a seguir.

9 ideias para se inspirar:

1.

Porta de correr inspirada nos portões articulados dos anos 50 - Divulgação - Divulgação
Porta de correr inspirada nos portões articulados dos anos 50
Imagem: Divulgação

O espaço integrado de salas e cozinha no apartamento assinado pelo escritório Inside Arquitetura & Design pedia uma porta que conversasse com a estante multifuncional colorida e a parede de tijolinhos aparentes.

A alternativa adotada foi uma porta de correr, separando a área social da circulação íntima, que dá acesso ao lavabo. Mas em vez de uma estrutura convencional, a ideia foi reproduzir portões articulados, muito usados nos anos 50. Além disso, a divisória recebeu tintura de cor incomum, seguindo a linha zero conservadora do projeto.

2.

AMFB - Luis Gomes - Luis Gomes
Porta envidraçada de metal
Imagem: Luis Gomes

Não só formato como, também, o material das portas pode fugir da mesmice. Quer exemplo? O projeto assinado pelo escritório AMFB, dos arquitetos Alice Martins e Flávio Butti.

Em 26 m², o mármore travertino do piso combina com o inox da frente da bancada e da porta com escotilha, instalada entre a área gourmet do terraço e a adega. A abertura envidraçada permite a visualização do outro lado, oferece fácil manutenção e traz um ar mais high tech ao ambiente.

3.

Porta inserida na pintura da parede no hall de entrada - Mariana Orsi - Mariana Orsi
Porta inserida na pintura da parede no hall de entrada
Imagem: Mariana Orsi

O morador solteiro, na faixa dos 30 anos, queria um ambiente aconchegante e convidativo, onde pudesse receber amigos e que tivesse a sua "cara".

Baseado nisso, o escritório Box14, comandado pelo arquiteto Leandro Mostardo, personalizou o hall de entrada do elevador com pequenas intervenções, mas com resultado impactante.

Ali, o destaque é a luminária exclusiva em filamento de néon, que contrasta com a pintura das portas, de todas as paredes e do teto na cor azul.

4.

Porta revistida por papel de parede - Julia Herman - Julia Herman
Porta revistida por papel de parede
Imagem: Julia Herman

O quarto de casal, assinado pela designer de interiores Camila Cordista, à frente do escritório Cordista | Interiores Lighting, poderia ter só a divisória atrás da cabeceira revestida com papel de parede.

Entretanto, uma interferência sutil acabou fazendo toda a diferença na composição do ambiente: a porta foi igualmente coberta pelo papel personalizado (assim como o espelho dos interruptores), trazendo unidade para o projeto.

5.

Porta amarela - Mariana Orsi - Mariana Orsi
Porta amarela deslizante inspirada no celeiro
Imagem: Mariana Orsi

Os moradores já tinham deixado claro que adoram o estilo da porta celeiro e, por isso, o item foi incorporado ao projeto que é uma mistura do estilo industrial com o rústico, assinado pelo escritório Inside.

Além de abrir facilmente, dando acesso à área íntima da casa, a porta deslizante recebeu tintura vibrante, nada discreta, outro pedido dos donos, que queriam uma base neutra, mas cores vivas em diferentes detalhes.

6.

Porta "camuflada" com revestimento - Luis Gomes - Luis Gomes
Porta "camuflada" com revestimento
Imagem: Luis Gomes

A reforma radical no apartamento dos anos 1970, conduzida pelo escritório AMFB, buscou a valorização da luz natural e a integração de espaços. O projeto, com muitas cores e peças de design no mobiliário, inclui painel feito com placas de marcenaria, de alto e baixo relevos.

O revestimento cobre toda a parede que se funde com a porta — esta, por sua vez, fica quase camuflada, criando uma composição inusitada, divertida e com bastante movimento.

7.

Porta com grafite por cima - Luis Gomes - Luis Gomes
Porta com grafite por cima
Imagem: Luis Gomes

Poderia ser só mais uma porta pivotante, feita em MDF, para ser alinhada ao painel que separa a área da cama do banheiro, na suíte principal. Mas a estrutura de 72 cm de largura recebeu pintura feita com resina de cimento queimado, igual à das paredes e forros e, por cima, ganhou grafite com tinta spray assinado por Storm. O projeto nada básico é da arquiteta Pati Cillo.

8.

Portas abraçam o desenho do Mapa do Maroto, da saga Harry Potter - Mariana Orsi - Mariana Orsi
Portas abraçam o desenho do Mapa do Maroto, da saga Harry Potter
Imagem: Mariana Orsi

Um cômodo dedicado exclusivamente à curtição de séries e filmes em família. Assim é a men's cave, projetada pelo escritório Inside, na ampla casa paulistana.

Ali, todas as paredes são estampadas com o Mapa do Maroto, do mundo mágico de Harry Potter, incluindo duas portas existentes ali. As divisórias de passagem se camuflam na composição geral do cômodo mais que especial, para fã nenhum botar defeito.

9.

Porta externa pintada com pintura eletrostática marrom - Julia Herman - Julia Herman
Porta externa pintada com pintura eletrostática marrom
Imagem: Julia Herman

A ousadia na porta pode vir sob forma de materiais também. Neste espaço comercial, a arquiteta Aiê Tombolato adotou uma alternativa diferente para revestir o acesso, no lado externo, e que pode ser eficazmente recriado dentro de qualquer imóvel.

Trata-se de uma chapa de aço com pintura eletrostática marrom fosca, incrementada com rebites, aplicados a cada 2 cm nos contornos, que funcionam para fixação à outra chapa, na parte de trás. Em consequência, rende um desenho que imita superfície pespontada.