Topo

Vôlei


Tumor no coração tira Bruna Honório da seleção brasileira de vôlei

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Carolina Canossa e Leandro Carneiro

Do UOL, em São Paulo (SP)

10/05/2019 12h41

Bruna Honório, destaque do Minas na temporada da Superliga, está fora da seleção feminina de vôlei. Um tumor no átrio do coração impedirá a jogadora de defender a equipe de José Roberto Guimarães neste ano, o último antes da definição do grupo que vai tentar a terceira medalha de ouro olímpica nos Jogos de Tóquio.

A atleta passará por exames na próxima segunda-feira (13), a fim de definir os próximos passos da carreira. A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) confirmou o corte à reportagem, enquanto o Minas admitiu que a oposta vai realizar novas provas médicas no início da próxima semana.

Bruna Honório deixa a seleção em um dos melhores momentos da carreira. A oposta conquistou quatro títulos com o Minas (Mineiro, Superliga, Copa do Brasil e Sul-Americano) e assumiu papel de destaque na equipe. A oposta renovou recentemente o contrato com a equipe.

A saída de Bruna Honório é a oitava do grupo planejado para disputar o calendário de 2019. De princípio, Adenízia e Thaísa pediram dispensa. A dupla foi seguida por Camila Brait, Gabi Cândido, Tassia, Drussyla e Dani Lins, que também não defenderão a seleção.

Nesta temporada, a equipe comandada por José Roberto Guimarães tem quatro compromissos: Liga das Nações, Campeonato Sul-Americano, Pré-Olímpico e Copa do Mundo.