PUBLICIDADE
Topo

Podcast

Posse de Bola

Programa semanal de futebol com Juca Kfouri, Mauro Cezar Pereira, Arnaldo Ribeiro e Eduardo Tironi


ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Posse de Bola #120: Crespo em alta, Holan cai, Palmeiras em risco e Fla campeão

Do UOL, em São Paulo

26/04/2021 11h32

Com clubes fazendo jogos em intervalos menores que 48 horas, escalando reservas e garotos da base em algumas partidas, o Campeonato Paulista tem o São Paulo com a melhor campanha sob o comando do técnico argentino Hernán Crespo, enquanto o seu compatriota Ariel Holan, que chegou no mesmo período para treinar o Santos, já definiu sua saída depois da derrota no clássico de ontem (25) diante do Corinthians, que aliviou a tensão para Vagner Mancini, que teve pedidos de sua saída por torcedores. No Palmeiras, a possibilidade de eliminação na primeira fase cresce enquanto Abel Ferreira usa um time de garotos.

No podcast Posse de Bola #120, Arnaldo Ribeiro, Eduardo Tironi, Juca Kfouri e Mauro Cezar Pereira analisam a situação dos clubes no Campeonato Paulista, o bom momento do São Paulo, o ambiente tumultuado do Santos, a possibilidade de vexame no Palmeiras e o Corinthians, enfim, usando mais os garotos, além de abordarem o Flamengo campeão da Taça Guanabara, Fluminense nas semifinais do Campeonato Carioca, o atrito entre Cuca e Hulk no Atlético-MG, a estreia do Tiago Nunes no Grêmio e a decisão da Copa do Nordeste entre Bahia e Ceará.

Arnaldo Ribeiro lembra que uma das principais novidades do Campeonato Paulista foi a chegada de técnicos argentinos no Santos e no São Paulo, fazendo uma comparação do ambiente que Ariel Holan e Hernán Crespo pegaram, vendo o treinador são-paulino tendo um mês praticamente perfeito em relação a resultados, enquanto o agora ex-técnico santista tendo encontrano mais dificuldades.

"Para você ver como é o Santos, o Santos não é para poucos, é muita confusão, de fato esse trabalho estava muito tumultuado, você pega o argentino que veio para o Santos e o que veio para o São Paulo, quais as condições que cada clube está oferecendo a cada um deles, então eram as grandes novidades do futebol de São Paulo e o argentino do Santos não está durando nem a fase de classificação do Paulistinha, para você ter uma ideia", diz Arnaldo.

" O caso do São Paulo, que é o oposto, a adaptação, o tempo para treinar, porque o Santos já entrou em pré-Libertadores, a gente sabe que é difícil em qualquer circunstância, ainda mais na pandemia, ainda mais nessa confusão toda, lembrando que o Ariel Holan estreou contra o Crespo perdendo de 4 a 0, o São Paulo já estava ajeitadinho e o Santos aquela confusão. Depois veio aquela parada no Paulistão enquanto o Santos continuou jogando na Libertadores, classificou em duas eliminatórias, estreou mal contra o Barcelona, se complicou, está complicado no Paulista e o Ariel Holan não vai continuar", completa.

Arnaldo destaca os resultados obtidos pelo time de Crespo em abril, tendo pela frente apenas o jogo diante do Rentistas pela Libertadores para completar o ciclo de vitória durante o mês e aponta como será desafiador que o treinador e seus comandados consigam manter a boa sequência em maio, quando terão um período mais decisivo com a reta final do Paulistão e as últimas rodadas da fase de grupos da Libertadores.

"Se o São Paulo conseguir na quinta-feira contra o Rentistas uma vitória que é crucial para as pretensões dele na Libertadores, o São Paulo completa um abril perfeito, só com vitórias, é muito tempo, um marco, e muitas vezes jogando até com times alternativos, como foi o caso do jogo contra o Ituano, do jogo contra o Guarani, seria um abril perfeito, mas como muito bem disse o Crespo já há uma semana, maio é muito mais desafiador e aí são os primeiros grandes desafios do São Paulo, mais do que melhor campanha no Paulista", diz Arnaldo.

"O São Paulo vai numa toada de jogos a cada 48 horas, agora mais decisivos, definindo em quais ele vai preservar jogadores, se no Paulista ou se na Libertadores a partir de agora, estou falando de maio. Serão estratégias muito pontuais, até agora acho que o Crespo tem acertado, conseguido dosar e colocar, revitalizar alguns jogadores e trazer outros, fisgar outros como Talles, Galeano, que agora são jogadores que podem fazer parte do grupo principal do São Paulo, mostram que têm condições, então esse abril perfeito vai ser testado em maio e ele tem esse início de trabalho brilhante, até agora brilhante, e vai ser colocado à prova nesse primeiro mês decisivo da temporada que é maio", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL