PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Falta de intensidade e falhas individuais determinam derrota do Fluminense no Brasileiro

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

28/10/2021 07h00

Diferente do clássico contra o Flamengo, os jogadores do Fluminense não demonstraram pouca intensidade de jogo na derrota por 2 a 0 diante do Santos, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em certo momento, o time comandado por Marcão conseguiu assustar um pouco, mas foi pouco para evitar o revés para o Peixe. Logo em sequência, as falhas individuais comprometeram o resultado final.

O primeiro gol saiu nas costas de Marlon. Ao marcar a bola, o lateral do Fluminense deixou Madson livre para cabecear e abrir o placar para o Santos. Mesmo com a sua entrada, a titularidade não é absoluta. O segundo gol saiu em uma falha do goleiro Marcos Felipe. Ele salvou o Tricolor no início do jogo com duas grandes defesas, mas falhou feio ao repor pessimamente mal a bola em chutão que originou o segundo gol do Santos, em momento que a equipe crescia na partida.

- Sabíamos que havia uma mobilização muito grande em Santos, que eles vinham para esse jogo da forma que vieram no início, pressionando, bola parada, escanteio. E sabíamos que em algum momento tínhamos que jogar a defesa deles para trás. Infelizmente, no momento em que conseguimos equilibrar o jogo, tomamos o gol. Até trabalhar de novo, construir alguma coisa… Mudamos alguns posicionamentos no intervalo, voltamos melhores, até o momento que tomamos o segundo gol. Lógico que queríamos trazer para o nosso lado, jogar a torcida contra. Mas, infelizmente, foi o dia deles e não tivemos sucesso.

+ Luccas Claro elogia o Santos e lamenta derrota do Fluminense: 'Faltou competição'

+ Atuações ENM: Marcos Felipe chega a fazer milagre, mas Fluminense perde para o Santos

+ Marcão analisa 'jogo difícil' contra o Santos, mas valoriza entrega do grupo do Fluminense

O Tricolor teve poucas oportunidades ao longo do duelo, conseguindo melhorar nos 30 minutos finais da partidas. John Kennedy muito isolado para tentar fazer algo diferente. No entanto, Luiz Henrique foi o único que se salvou, com bons dribles e boas arrancadas para puxar os contra-ataques. Porém, não foi o suficiente.

Com o resultado, o Tricolor da Laranjeiras deixou de somar sua terceira vitória consecutiva e estaciona nos 38 pontos, ficando no 8º lugar. No domingo, às 16h, a equipe de Marcão vai até o Castelão, medir forças com o Ceará, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Além disso, o Fluminense não terá John Kennedy e Nonato, que receberam o terceiro cartão amarelo e estão suspensos. Não enfrentam o Ceará na próxima rodada. A tendência é que Fred já esteja à disposição para o ataque. O volante reserva estará fora da relação.

Futebol