PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Morínigo ressalta a importância de Waguininho e fica satisfeito com o futebol apresentado pelo Coritiba

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

20/10/2021 13h05

Na noite da última terça-feira (19), Coritiba e Sampaio Corrêa se enfrentaram pela 31ª rodada da Série B, no Couto Pereira. Precisando da vitória para se consolidar na liderança depois de quatro rodadas sem vencer, o Verdão voltou a jogar o bom futebol que fez durante boa parte do campeonato e ganhou pelo placar de 3 a 0. Os gols foram marcados por Waguininho, Léo Gamalho e João Vitor, seu primeiro como profissional.

Como já é de costume após a partida, o técnico Gustavo Morínigo participou da coletiva e primeiramente foi questionado sobre a escalação, que para a maioria dos torcedores é considerada a ideal:

? Sim, realmente esse é o time que mais começou titular e tem um entrosamento já. Quase de memória eles sabem os movimentos que têm que fazer e hoje Waguininho nos deu uma grande mão porque estávamos carecendo dessa jogada na área. É um jogador que tem muita capacidade física para fazer os aspectos do jogo, de marcar e atacar. E realmente foi um bom jogo, sabíamos das dificuldades que íamos ter e realmente todos trabalharam muito bem. E as variantes, cada um vai ganhando na semana sua oportunidade de ingressar ao jogo, é meramente de cada um de acordo como treina. – respondeu o treinador.

Para saber tudo do Coritiba siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook

Na sequência foi perguntado sobre a mudança de postura que o Coritiba teve do primeiro ao último minuto de jogo, tendo em vista que teve um primeiro tempo de mais pressão e um segundo tempo mais tranquilo com o gol de Waguininho no primeiro minuto:

? Houve vários jogos que a intensidade também foi muito similar a de hoje mas não tivemos contundência, falta contundência. Exemplo, contra o Confiança tivemos muitíssimas jogadas de gol e não pudemos marcar. Hoje por sorte conseguimos marcar no começo do segundo tempo para liberar um pouco a pressão e tratar de seguir jogando como estávamos jogando. Hoje tivemos muita posse e muita movimentação que geraram muitos espaços, então estou feliz pelo jogo que fizemos e essa agressividade temos que manter em todos os lados, sabemos que é um torneio muito complicado. – disse o paraguaio contente com a atuação do Coxa.

Na partida de ontem, o atacante João Vitor, das categorias de base do Verdão, entrou durante a segunda etapa e em seu primeiro toque na bola marcou um lindo gol e Morínigo falou sobre ele:

? Eu não gosto de falar individualmente mas João Vitor merece. Estava buscando sempre sempre o crédito, trabalhou muito. Quando ele ficou fora seguiu trabalhando e foi muito constante e a verdade é que teve uma semana muito boa de treinamento… Muito feliz por ele e por todos em geral na verdade, que é um triunfo de todos. – disse o paraguaio.

Também falou sobre a importância do volante Willian Farias que ficou de fora na derrota no último sábado contra o Vasco, retornou e fez uma ótima partida. Ressaltou também a diferença que a torcida fez na partida para todo o grupo e disse que espera ter ainda mais torcedores nos próximos jogos em casa.

Finalizando, o treinador respondeu sobre a importância deste resultado e principalmente da ótima atuação que o time Alviverde teve:

? Time grande em qualquer tema sempre esta pressionado, está obrigado a sair e ganhar, é algo que o jogador que está aqui tem que saber, todos que estamos aqui temos que conviver com isso. Mas a pressão não pode alterar o trabalho que estamos fazendo na maneira de jogar. Sempre teremos que ter a mesma convicção de sair e jogar todos os jogos com essa paixão que hoje todos demonstraram, com essa inteligência técnica e tática. – completou Morínigo.

Futebol