PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Holyfield lamenta derrota para Belfort e critica árbitro: "Decisão ruim"

Vitor Belfort olha Evander Holyfield no chão durante luta de boxe entre os dois - Chandan Khanna/AFP
Vitor Belfort olha Evander Holyfield no chão durante luta de boxe entre os dois Imagem: Chandan Khanna/AFP

Ag. Fight

Ag. Fight

12/09/2021 10h40

Por sorte, o pior não aconteceu no boxe. Após a divulgação do treino aberto de Evander Holyfield, parte da comunidade dos esportes de combate temeu pelo estado de saúde do veterano, de 58 anos, antes, durante e depois da luta contra Vitor Belfort. No último sábado (11), na Flórida (EUA), a preocupação dos fãs fez todo sentido. 'The Real Deal' foi presa fácil para a lenda do MMA e acabou nocauteado no primeiro round. Contudo, o ícone da nobre arte não ficou satisfeito com o resultado.

Logo após o pesado revés, Holyfield foi entrevistado pela própria equipe da 'Triller Fight Club', empresa que promoveu o show, e lamentou o que aconteceu no ringue. No duelo contra Belfort, o veterano, praticamente, acusou todos os golpes lançados pelo adversário e foi ao chão algumas vezes. Como 'The Real Deal' mal parava em pé na luta, o árbitro interferiu e declarou 'The Phenom' como vencedor.

Inclusive, parte da comunidade dos esportes de combate parabenizou o profissional pela demonstração de sensibilidade em seu julgamento. Entretanto, Holyfield, um dos maiores nomes da história do boxe, informou que se sentiu prejudicado pela atuação do árbitro, criticou sua atuação e o culpou pela derrota em seu retorno aos ringues.

"Acho que foi uma decisão ruim. Não acho que o árbitro deveria ter parado a luta tão rápido", criticou a lenda do boxe.

Evander Holyfield, de 58 anos, é um dos melhores e mais populares lutadores de boxe de todos os tempos. Além dos inúmeros títulos conquistados no esporte, 'The Real Deal' também faturou a medalha de bronze nas Olimpíadas de Los Angeles, em 1984. Apesar da dura derrota para Vitor Belfort, a lenda da nobre arte expressou o interesse em seguir em atividade e desafiou Mike Tyson para a realização da terceira luta.

Esporte