PUBLICIDADE
Topo

Esporte

"Estou no auge da minha carreira", diz Thiago Silva

Desde que chegou ao PSG, Thiago Silva atuou em 256 jogos e marcou 16 gols - Francesco Pecoraro /Getty Images
Desde que chegou ao PSG, Thiago Silva atuou em 256 jogos e marcou 16 gols Imagem: Francesco Pecoraro /Getty Images

14/01/2019 17h17

Doha, 14 Jan 2019 (AFP) - Criticado nas últimas temporadas, o zagueiro brasileiro Thiago Silva considerou em entrevista à AFP, nesta segunda-feira, que está em seu melhor momento da carreira.

"Passei por bons momentos na minha carreira. Mas com esta idade é o auge. Você segue tendo a qualidade e conta ainda com a experiência. Quando junta as duas coisas, aumenta o nível", garantiu o capitão do Paris Saint-Germain, que está em Doha para uma inter temporada.

Leia também:

Thiago acrescentou que ainda tem o que aprender, apesar de seus 34 anos. "Em cada minuto de cada treinamento eu tento melhorar, jogar cada jogo em um nível muito, muito alto. Com a experiência é mais fácil", acrescentou o defensor.

Criticado nos últimos anos, sobretudo após a goleada sofrida para o Barcelona (6-1) em 2017, Thiago admite ter escutado críticas que machucam, "mas o mais importante é se levantar o mais rapidamente possível cada vez que você cai".

A melhora de Thiago Silva coincide com a chegada do alemão Thomas Tuchel ao comando da equipe.

"Ele me deu tranquilidade para jogar. Acrescentou coisas positivas, tenta resolver os problemas o mais rapidamente possível. Antes de encontrar (a solução), tenta conversar comigo para saber a melhor decisão que precisa tomar", analisou o capitão.

Thiago Silva destaca também que a chegada do treinador alemão fez o time jogar mais coletivamente.

"Sabemos que quando fazemos as coisas simples, como o técnico pede, é possível. Quando começamos a pensar individualmente, quando um faz uma coisa e outro faz outra, não é possível", acrescentou.

Por este motivo e pela chegada de jogadores experientes como Gianluigi Buffon, que se uniram a estrelas como Neymar, Mbappé e Cavani, Thiago Silva considera que o PSG atual é o mais forte desde sua chegada ao clube em 2012.

O zagueiro revelou que Tuchel fala diretamente com ele para pedir o que deseja "e trata de motivar a todo mundo para que estejam preparados".

"Essa é a diferença" em relação a outras temporadas, concluiu Thiago.

Esporte