PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Rúgbi: Capitão neozelandês ficou preso na escola das filhas após ataque

Kieran Read é o capitão da seleção de rúgbi da Nova Zelândia - Ben STANSALL / AFP
Kieran Read é o capitão da seleção de rúgbi da Nova Zelândia Imagem: Ben STANSALL / AFP

Do UOL, em São Paulo

15/03/2019 22h52

O capitão da seleção de rúgbi da Nova Zelândia, Kieran Read, revelou que passou momentos de tensão logo após os ataques a tiros contra duas mesquitas em Christchurch, que deixaram ao menos 49 mortos. O jogador ficou preso na escola onde as filhas dele estudam após o massacre.

Read publicou em sua conta no Instagram uma foto da escola fechada e escreveu: "Enviando meus sentimentos a todas as vítimas. Trancado na entrada da escola esperando pelas minhas garotas".

O jogador tem três filhos, entre eles duas meninas, Elle e Eden, que estudam em uma escola no subúrbio de Christchurch.

A escola delas foi uma das muitas que ficaram fechadas imediatamente depois dos ataques.

Esporte