PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras entra em campo contra o Santos defendendo invencibilidades

27/05/2022 10h00


Embalado pelos recordes na Libertadores e pela ascensão no Brasileirão, o Palmeiras vai a campo neste domingo, às 16h, para enfrentar o Santos, pela oitava rodada do campeonato nacional. Além dos importantes três pontos, o Verdão coloca em campo duas invencibilidades significativas: uma no ano e outra diante do Peixe.

GALERIA
> Saiba os potes e onde assistir ao sorteio das oitavas da Liberta

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Não é nenhuma surpresa o Verdão estar invicto em 2022. Até aqui, o time perdeu apenas três dos 35 jogos que fez. Desde o último em que saiu derrotado, diante do Ceará, no Allianz Parque, o Alviverde não perdeu mais. São 13 partidas nesse período, com dez vitórias e três empates. Trata-se da maior sequência palmeirense sob o comando de Abel Ferreira, que está no cargo desde o fim de 2020.

E olha que não foi a primeira grande sequência neste ano. Depois de ser derrotado pelo Chelsea, no Mundial de Clubes, o Palmeiras ficou 12 jogos sem perder no ano, sendo parado somente pelo São Paulo, na ida da decisão do Campeonato Paulista. Portanto, é um time acostumado estabelecer esses tipos de marcas e vai defendê-la neste domingo, na Vila Belmiro, diante de um de seus maiores rivais.

Mas não é apenas essa invencibilidade que o Verdão vai tentar segurar neste fim de semana. Isso porque há uma vigente contra o próprio Peixe. Já são oito partidas que o time da Baixada não vence o seu rival alviverde. São seis vitórias e dois empates no período, incluindo uma final de Libertadores, no Maracanã, em que a equipe de Abel Ferreira levou a melhor, no histórico gol de Breno Lopes.

A última vez que o Palmeiras perdeu para o Santos, ainda não tinha acontecido a pandemia de Covid-19, não havia Abel, não havia o tri da Liberta e nada disso do que está acontecendo com os palestrinos. Foi no dia 9 de outubro de 2019, na 24ª rodada do Brasileirão, quando o Peixe venceu por 2 a 0 com gols de Gustavo Henrique e Marinho, que nem estão mais na Baixada Santista hoje em dia.

O técnico do Verdão era Mano Menezes, que escalou o seguinte time: Jaílson; Marcos Rocha, Luan, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Gustavo Scarpa; Dudu, Willian e Luiz Adriano. Durante o jogo, Carlos Eduardo e Zé Rafael entraram em campo. Desses que participaram do duelo, apenas cinco seguem no elenco: Rocha, Luan, Scarpa, Dudu e Zé Rafael, todos com status de titular.

Segundo os dados da Asshopis (Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos), o Peixe vive o maior jejum de vitórias diante do Palmeiras em 30 anos (2019 a 2022, por ora). Antes, a maior havia sido entre 1990 e 1993 ficando nove partidas sem triunfo sobre os palmeirenses. O jejum terminou em 7 de julho de 1993 quando o Alvinegro venceu o confronto por 2 a 0 em Torneio Rio-São-Paulo.

Quase dois anos e oito meses depois, o Palmeiras segue defendendo essa invencibilidade e terá força em dobro para segurar também sua série invicta dentro deste ano, podendo chegar a 14 partidas sem perder. Uma vitória, inclusive, pode levar o Verdão para a liderança, caso o Corinthians não vença o América-MG, na Neo Química Arena.

Confira os jogos da sequência invicta do Palmeiras com o Santos:

29/2/2020 - Santos 0 x 0 Palmeiras - Pacaembu - Paulistão
23/8/2020 - Palmeiras 2 x 1 Santos - Morumbi - Brasileirão
5/12/2020 - Santos 2 x 2 Palmeiras - Vila Belmiro - Brasileirão
30/1/2021 - Palmeiras 1 x 0 Santos - Maracanã - Final da Libertadores
7/5/2021 - Palmeiras 3 x 2 Santos - Allianz Parque - Paulistão
10/7/2021 - Palmeiras 3 x 2 Santos - Allianz Parque - Brasileirão
7/11/2021 - Santos 0 x 2 Palmeiras - Vila Belmiro - Brasileirão
13/3/2022 - Palmeiras 1 x 0 Santos - Allianz Parque - Paulistão

Futebol