PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Zagueiro se desculpa por posts homofóbicos após companheiro se assumir gay

Marvin Ekpiteta em jogo do Blackpool contra o Peterborough United pela Championship - Lee Parker - CameraSport via Getty Images
Marvin Ekpiteta em jogo do Blackpool contra o Peterborough United pela Championship Imagem: Lee Parker - CameraSport via Getty Images

18/05/2022 19h05

Companheiro de Jake Daniels no Blackpool, clube da segunda divisão inglesa, Marvin Ekpiteta se desculpou por publicações homofóbicas feitas entre 2012 e 2013, após o atacante assumir ser homossexual.

A manifestação do zagueiro acontece após os posts homofóbicos viralizarem nas redes sociais. Ekpiteta tinha 17 anos quando fez tais publicações.

"Quero me desculpar sinceramente pela linguagem ofensiva e completamente inadequada que usei e pelos sentimentos que expressei. Como jogador de futebol, e nos anos que passei no trabalho, antes de me tornar jogador profissional, tive a sorte de ter trabalhado com uma ampla e diversificada gama de pessoas. Ao longo desse período, desenvolvi e cresci como pessoa", iniciou o zagueiro.

"Ontem, fiquei orgulhoso de Jake e de todos os envolvidos no Blackpool FC por um momento extremamente positivo para o futebol como um todo. Estou envergonhado pelos comentários que fiz aos 17 anos, quase uma década atrás, que não refletem de forma alguma os valores que possuo agora ou as crenças que tenho como pessoa ou como companheiro de equipe", continuou.

O zagueiro do Blackpool destacou que "o futebol precisa ser um lugar onde todos possam se sentir livres para serem verdadeiros consigo mesmos".

"Eu assumo total responsabilidade. O futebol precisa ser um lugar onde todos possam se sentir livres para serem verdadeiros consigo mesmos, e estou chateado que os comentários que fiz anteriormente sugerem o contrário. Assumo total responsabilidade por essas postagens e sinto muito", encerrou.

Futebol