PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Baggio sobre pênalti contra o Brasil em 1994: 'Sigo sem me perdoar'

Roberto Baggio - Arquvio / Folha Imagem
Roberto Baggio Imagem: Arquvio / Folha Imagem

09/05/2021 10h03

Roberto Baggio, considerado um dos principais jogadores italianos de todos os tempos, se lamenta até os dias atuais do pênalti desperdiçado contra o Brasil na final da Copa do Mundo de 1994. Em entrevista ao "La Republicca", o jogador explica o sentimento daquele momento.

"Sigo sem me perdoar pelo pênalti desperdiçado na final do Mundial de 94 contra o Brasil. Não há religião que importe. Naquele dia, eu poderia me suicidar e não iria sentir nada", disse.

Baggio conquistou o prêmio de Bola de Ouro em 1993, mas aos 54 anos está afastado do futebol. O atleta atuou pela Fiorentina, Juventus, Milan e Inter de Milão e encerrou a carreira no Brescia. O jogador conquistou uma Copa da Uefa, dois Campeonatos Italianos e uma Taça da Itália.

Futebol