Topo

Futebol


Resultados da Série B deixaram nas mãos do Figueirense a definição de todos os rebaixados

22/11/2019 12h34

O ano de 2019 certamente entrará para a história do Figueirense como um dos mais movimentados em todos os sentidos, seja no aspecto administrativo como, em reflexo direto, no plano esportivo. Situação essa que fica bem exemplificada com o "poder" que lhe foi incumbido na Rodada 37 da Série B do Brasileirão.

Depois de um estadual promissor com baixo investimento, problemas financeiros graves e ameaça de deixar o campeonato, o time que chegou perto do G4 flertando fortemente com o rebaixamento atingindo a lanterna do torneio tem a chance de, com um empate diante do CRB nessa sexta-feira (22) em Maceió, definir a composição do Z4 na competição.

O Furacão do Estreito é o 16° colocado com 39 pontos e viu seus concorrentes diretos na briga para sair da incômoda região na tabela (Londrina, São Bento, Criciúma e Vila Nova) constituírem um empate quádruplo de 36 unidades restando somente mais um jogo para todos eles. Logo, caso o Figueira atinja a marca dos 40, se tornará inalcançável.

Retornando ao time depois de cumprir suspensão pelo terceiro amarelo no empate em 0 a 0 com o Cuiabá, o lateral-direito Luis Ricardo ponderá as dificuldades de fazer uma partida dessa relevância como visitante. Porém, sem deixar de mencionar que é preciso não se garantir com o resultado de igualdade buscando sempre a vitória:

- O jogo fora de casa você tem que ir sempre precavido e sabedor que vamos enfrentar muitas dificuldades. Porém, quando as dificuldades surgirem, temos que saber sofrer, mas também aproveitar os momentos de fraqueza do adversário. Acredito que será um jogo daqueles que quem aproveitar a oportunidade dada terá grande chance de vencer a partida. Esperamos que sejamos nós os felizardos de aproveitamentos essas oportunidades para sairmos de campo com os três pontos.

Futebol