Topo

Futebol


Após avaliação, quadro clínico de Cortez não preocupa para a Libertadores

22/08/2019 12h17

Um dos nomes solidificados há mais tempo no time titular de Renato Portaluppi, o lateral-esquerdo Bruno Cortez, apesar de ter deixado o campo sentindo dores nas costas ainda no primeiro tempo da derrota para o Palmeiras por 1 a 0 na Libertadores, não parece ser uma grande preocupação pensando no embate da próxima semana em São Paulo.

O jogador passou por exames que não constataram nenhum tipo de fratura na região que recebeu o impacto no choque com Dudu e que forçou a sua saída de campo para a entrada de Juninho Capixaba aos 17 minutos de partida, queimando de maneira precoce uma das três substituições disponíveis para Renato.

O setor, aliás, é uma área onde o Grêmio apresenta pequena variedade de peças próprias já que, além de Cortez e Juninho, o único com experiência considerável no setor seria outro nome que também está machucado e que, há algum tempo, foi deslocado para a zaga, Marcelo Oliveira.

Com isso, o mais provável é que, jogando contra o Athletico-PR na Arena pelo Brasileirão no próximo sábado (24) às 17h no Brasileirão, o jovem Darlan, meio-campista de origem, seja novamente deslocado para a lateral-esquerda. Assim como de costume na prévia a duelos decisivos de torneios eliminatórios, o Tricolor irá a campo com uma equipe alternativa.

Mais Futebol