Topo

Esporte


Arjen Robben anuncia aposentadoria aos 35 anos: 'Decisão mais difícil'

Erwin Spek/Soccrates/Getty Images
Imagem: Erwin Spek/Soccrates/Getty Images

04/07/2019 13h23Atualizada em 04/07/2019 18h03

Depois de levantar algumas dúvidas ao fim da última temporada, Arjen Robben decidiu encerrar sua carreira como jogador de futebol. Nesta quinta-feira, o Twitter oficial da seleção holandesa confirmou a aposentadoria do jogador com um vídeo de agradecimento.

O craque anunciou sua decisão em entrevista ao canal RTL. "Tenho pensado muito sobre as últimas semanas. Como todos sabem, eu levei algum tempo para tomar uma decisão cuidadosa sobre o meu futuro depois do meu último jogo no Bayern de Munique. E decidi terminar minha carreira como jogador profissional de futebol. É sem dúvida a decisão mais difícil que tive de fazer na minha carreira", disse Robben.

Revelado pelo FC Groningen, da Holanda, o jogador se destacou ainda jovem pelo PSV Eindhoven no início da última década. Depois, juntou-se ao Chelsea, onde ficou por três temporadas até assinar com o Real Madrid. No time espanhol, ficou por apenas dois anos e se transferiu para o Bayern de Munique.

Robben conquistou 12 títulos durante uma carreira brilhante e foi escalado por seu país 96 vezes, inclusive na final da Copa do Mundo de 2010 em Johanesburgo, em que a Holanda perdeu para a Espanha. Ele venceu oito com o Bayern, onde seu contrato terminou no mês passado, dois com o Chelsea, um com o PSV e um com o Real.

"Meu amor pelo jogo e minha convicção de que ainda consigo enfrentar o mundo se depararam com a realidade de que as coisas nem sempre foram do jeito que eu esperava e que não sou mais um jovem de 16 anos que não tem ideia do que as lesões podem fazer com você", afirmou.

Robben foi atormentado por lesões, particularmente em suas últimas temporadas na liga alemã. Ele já havia se aposentado da seleção em outubro de 2017, quando fez os dois gols da vitória de 2 a 0 sobre a Suécia.

Com informações da Reuters

Esporte