PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Vitinho minimiza vaias, diz corresponder e mira metas coletivas no Fla

"Tenho certeza que neste final de temporada tenho correspondido muito bem", diz - Divulgação/Flamengo
'Tenho certeza que neste final de temporada tenho correspondido muito bem', diz Imagem: Divulgação/Flamengo

22/11/2018 12h53

Substituído aos 40 min do segundo tempo, o atacante Vitinho ouviu vaias da torcida do Flamengo ao deixar o gramado do Maracanã para a entrada de Marlos Moreno, quando o time rubro-negro vencia o Grêmio por 1 a 0. Depois da vitória por 2 a 0, selada com um gol do meia Diego aos 44 min da etapa final, o camisa 14 falou sobre a reação da torcida a sua atuação, em jogo da 36ª rodada do Brasileirão.

Vitinho minimizou as vaias, afirmando que os torcedores estão em seu direito.

"Torcedor tem o direito de se expressar, pagou ingresso e pode criticar. Fico feliz por eles terem vindo, nos apoiaram e nos ajudaram a conquistar a vitória", disse.

Leia também:

Sob o comando de Dorival Júnior, que completou 10 jogos a frente do time justamente diante do Grêmio, Vitinho ganhou sequência entre os titulares e mostrou evolução. Porém, a expectativa e cobrança sobre o atacante de 25 anos, que custou R$ 53 milhões ao clube, é tão grande quanto ao investimento feito.

Contratado em julho, Vitinho chegou a 26 jogos pelo Rubro-Negro. O atacante diz estar adaptando-se ao time da Gávea, mas avalia positivamente a sua fase.

"O jogador está sujeito a passar por várias situações. Cheguei há três meses, ainda estou em adaptação, mas tenho certeza que neste final de temporada tenho correspondido muito bem para o time e para a torcida", disse o atacante.

Esporte