PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Para espantar a má fase, Lenon quer Vasco ofensivo contra o Bahia

22/09/2018 19h32

Com quatro derrotas e um empate nos últimos cinco jogos, o Vasco chega pressionado ao confronto contra o Bahia, na segunda feira, às 20h, em São Januário. A equipe carioca precisa vencer e torcer para uma derrota da Chapecoense, que enfrenta o Fluminense em casa, no mesmo horário, para conseguir deixar a zona de rebaixamento ainda nessa rodada.

Pensando na vitória, o Vasco treinou hoje no CT da Vargem Pequena. O técnico Alberto Valentim realizou exercícios físicos, técnicos e táticos para definir a equipe para o confronto. Lenon, lateral-direito que foi titular da equipe nos últimos sete jogos, destacou a importância de ter uma semana inteira para treinar e afirmou que o Vasco precisa se impor sobre o adversário, para reverter a situação da equipe no Brasileirão.

- Nossa postura tem que ser bem ofensiva, marcar o adversário em cima, até porque estaremos jogando em casa e precisamos do resultado. Tivemos uma semana inteira para trabalhar e ela foi bastante proveitosa. Agora é colocar em prática tudo aquilo que trabalhamos com a comissão técnica para sairmos de campo com os três pontos - disse o camisa 18 ao site oficial do Vasco.

O lateral afirmou ainda que a equipe vem estudando o Bahia para o confronto.

- O pessoal da análise de desempenho costuma passar com antecedência a forma de jogar dos adversários. Já sabemos como o time deles joga, mas iremos procurar aproveitar os pontos fracos. É um time que já demonstrou ser bastante perigoso ao longo do ano, então precisamos estar atentos em todos os momentos - acrescentou.

Lenon ainda destacou a importância de atuar em São Januário. Todas as seis vitórias da equipe nesta edição do campeonato foram no Caldeirão.

- Concordo com os meus companheiros quando eles falam que vai ser muito importante voltar a jogar em São Januário. Retornar ao Caldeirão é algo fundamental, principalmente porque conhecemos o campo e jogaremos diante da nossa torcida. Nos sentimos mais fortes, bem mais confiantes, quando contamos com o apoio do torcedor. Tenho certeza que eles irão nos empurrar para essa vitória - concluiu.

Esporte