PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Em jogo movimentado, Independiente e River Plate empatam sem gols

19/09/2018 21h24

Em Avellaneda, Independiente e River Plate protagonizaram um dos melhores jogos da Libertadores, mas não saíram do zero. Com o resultado, a eliminatória vai aberta para o Monumental de Núñez. O Rojo avança se vencer ou empatar com gols. Já o Millonario precisa da vitória. Caso o jogo fique sem gols, a vaga será nos pênaltis.

O duelo da volta entre os dois rivais argentinos acontece no dia 2 de outubro, em Buenos Aires.

O jogo

Fora de casa o River Plate não se preocupava com a pressão das arquibancadas e através dos toques magistrais de Pity Martínez, o time do Monumental de Núñez dava as cartas dentro e de campo e trabalho ao goleiro Campaña, que precisou aparecer pelo menos duas vezes para evitar o gol.

Do outro lado o Rojo tinha um pouco mais de dificuldade. Com a pressão do rival, o Independiente explorava os contra-ataques e tentava chegar com poucos toques ao gol de Armani. Na chance mais clara, Meza acertou o travessão em chute da entrada da área.

Nos minutos finais, o Independiente chegou novamente. Desta vez, a bola aérea foi a arma e após cabeçada de Sánches Miño, Armani se esticou todo e mandou para fora.

Na etapa final a blitz foi do Rojo. Com a ordem de Ariel Holan, a equipe começou a pressionar a saída de bola do River e deu certo. Meza avançou com a pelota, cruzou rasteiro e achou Gigliotti. O camisa 9 entrou de carrinho e Armani, de maneira milagrosa, evitou o gol.

Preocupado com a pressão do rival, Gallardo mexeu na equipe, deixou o Millonarios mais leve dentro de campo e conseguiu amenizar o ritmo do Independiente.

Nos minutos finais o River Plate teve a chance de matar o jogo. Após cruzamento da direita, a bola sobrou com Mayada. O atacante encheu o pé e Campaña espalmou de maneira incrível.

Esporte