PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Por que Suárez não deseja atuar no futebol brasileiro? Jornal lista motivos

Uruguaio de 35 anos é constantemente especulado em times do Brasil, mas projeto pessoal deve impedir qualquer acordo - REUTERS/Vincent West
Uruguaio de 35 anos é constantemente especulado em times do Brasil, mas projeto pessoal deve impedir qualquer acordo Imagem: REUTERS/Vincent West

Do UOL, em São Paulo

16/05/2022 19h46

O uruguaio Luis Suárez, que não vai renovar com o Atlético de Madri, ficará livre no mercado da bola a partir do mês que vem e, apesar do constante interesse de clubes brasileiros, não deve atuar em solo sul-americano.

Mas qual o motivo da decisão? De acordo com o jornal Ovación, do Uruguai, há cinco razões para que o jogador de 35 anos tente uma nova jornada bem longe do seu continente de origem.

O primeiro deles é a Copa do Mundo do Qatar, que acontece a partir de novembro. Mesmo com idade avançada, ele pretende continuar atuando na Europa, principal polo do futebol mundial. Assim, como protagonista em uma nova equipe, o objetivo é disputar o torneio ainda habituado a uma liga de alto nível.

Outro fator, ainda relacionado à Copa, é o fato de seus três filhos terem a chance de vê-lo atuando em um mundial. Em 2010, Suárez ainda não era pai. Em 2014, Delfina e Benjamin eram pequenos demais para entender a importância do pai para o Uruguai e, há quatro anos, Lautaro ainda estava na barriga da mãe.

O terceiro motivo é mais burocrático: o atacante quer assinar vínculo de apenas uma temporada, o que inviabilizaria qualquer projeto brasileiro mais encorpado. O curto período é justamente para abrir a chance de Suárez explorar o mercado no ano que vem de maneira mais tranquila.

Há ainda a questão familiar, já que o jogador levaria, além dos três filhos, sua esposa para o novo destino. Uma ruptura na cultura europeia poderia ser ruim para os parentes.

Por fim, o Ovación cita o próprio mercado da bola como obstáculo para qualquer time sul-americano. De acordo com o veículo, clubes como Sevilla, da Espanha, e Inter de Milão, da Itália especularam o nome do jogador e despontam como favoritos para um acerto.

Futebol