PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Flamengo marca nos acréscimos, vence o Náutico e se classifica na Copinha

Flamengo fez jogo duro contra o Náutico e só garantiu a vaga nos acréscimos do segundo tempo - Gilvan de Souza/CRF
Flamengo fez jogo duro contra o Náutico e só garantiu a vaga nos acréscimos do segundo tempo Imagem: Gilvan de Souza/CRF

13/01/2022 21h29

Classificação e Jogos

O fortíssimo ataque do Flamengo quase passou em branco pela primeira vez na Copa São Paulo de Juniores, mas contou com os acréscimos para vencer o Náutico por 1 a 0 e se classificar para a terceira fase da competição. O autor do gol da vitória contra o Timbu foi de Igor Jesus, aos 50 minutos do segundo tempo.

Agora, o adversário do Fla será o Oeste, que também se classificou nesta quinta-feira. A equipe paulista empatou com o Ibrachina por 1 a 1 no tempo normal e venceu nos pênaltis por 5 a 4.

Fla começa melhor, mas goleiro do Náutico fecha o gol

O primeiro tempo terminou com o Flamengo mesclando ataques perigosos com momentos de inatividade. Mas o time carioca foi melhor em campo e só não abriu o marcador por causa das intervenções do goleiro Bruno. Foram pelo menos cinco boas defesas, sendo uma cara a cara com Petterson. Do outro lado, o Náutico teve bastante dificuldades para sair jogando, e demorou para começar a chegar na meta adversária. Quando fez, levou pouco perigo.

Vitinho abusa do repertório

Victor Hugo, ou Vitinho, como é chamado pelos amigos, foi o destaque do Fla na primeira etapa. O camisa 23 driblou, chapelou, armou e finalizou em campo, sendo o mais lúcido no ataque rubro-negro.

Náutico muda postura e jogo fica mais aberto

Precisando ser mais ousado para buscar a classificação, o Timbu voltou mais agressivo e conseguiu penetrar na área do Fla, o que não aconteceu no primeiro tempo. Pela primeira vez, o goleiro Bruno (agora do Flamengo) precisou trabalhar de verdade, seja no chutaço de Luan ou na finalização à queima-roupa de Rodrigo Leal. Com a marcação mais alta, o Flamengo forçou alguns chutões do adversário, mas seguiu com dificuldades para encaixar seu ataque, o que deixou o jogo mais equilibrado, tenso e completamente aberto.

Igor Jesus salva o Fla no apagar das luzes

Depois que o Náutico assustou lá na frente, o time pernambucano sentiu o ritmo e parecia estar mais satisfeito com o empate e a disputa de pênaltis. A partir dos 30 minutos, foi o Flamengo que pressionou e buscou o gol da vitória. E ele saiu já nos acréscimos. Com o jogo indo até os 51, Igor soltou uma pancada na última volta do ponteiro, contou com a sorte ao ver a bola desviar na zaga e matar o goleiro Bruno. Gol da vitória e da classificação rubro-negra na Arena Baurueri.

Futebol