PUBLICIDADE
Topo

Série B - 2021

Com gols no início e no fim, Botafogo vence clássico diante do Vasco

Do UOL, no Rio de Janeiro

31/07/2021 22h53

Classificação e Jogos

No clássico do Rio da Série B, o Botafogo levou a melhor sobre o Vasco no Nilton Santos. Com um gol de Chay, que marcou no primeiro lance da partida, e outro de Diego Gonçalves, os alvinegros venceram por 2 a 0 e pularam para a nona colocação. O Cruzmaltino, por sua vez, é o décimo.

O duelo não foi de muitas emoções e ficou com a vitória quem conseguiu ser mais eficiente e objetivo. Com muitos erros dos dois lados, a partida ficou devendo no aspecto técnico, mas não faltou entrega dos dois times.

Na próxima quarta-feira (4), o Vasco recebe a visita do São Paulo, em São Januário, 21h30, em jogo válido pela Copa do Brasil. Já os alvinegros só voltam a campo no domingo, quando recebem em casa a Ponte Preta, às 20h30, pela Série B.

Gol no começo muda vida do Fogão

O Alvinegro tem (ou ao menos tinha) o costume de desperdiçar muitas chances até encontrar o gol nesta Série B. No entanto, a equipe conseguiu balançar as redes logo na primeira vez que ameaçou o gol de Vanderlei. Com a vantagem conquistada com um minuto de jogo, o time conseguiu preencher o meio, evitar grandes sustos e fazer um jogo mais reativo e seguro.

Léo Matos deixa espaços para o Bota

Pelo lado direito, o Botafogo teve as melhores oportunidades e foi sempre superior a Léo Matos. Com a dupla Guilherme Santos e Diego Gonçalves, o Alvinegro abriu o corredor por ali, setor no qual saiu o gol de Chay.

Botafogo encontra saída pela esquerda

Em campo, Guilherme Santos foi quem mais cresceu com Enderson Moreira. O lateral se tornou um armador e vem sendo peça fundamental na criação das jogadas do Glorioso, como no gol diante do Vasco. Jonathan, que acertou seu retorno ao clube, não vai ter vida fácil para conquistar a titularidade.

Cruzmaltino sem inspiração nenhuma

Desligado no início do jogo, o time foi castigado com um gol de Chay com menos de dois minutos. A equipe tentou se reorganizar, mas faltaram precisão nos passes e qualidade no jogo coletivo. Apagados, Marquinhos Gabriel e Morato não conseguiram fazer o time jogar e o artilheiro Cano participou muito pouco do jogo.

No poste!

Aos seis minutos do segundo tempo, Diego Gonçalves acertou uma bomba que carimbou o travessão de Vanderlei. Quase gol alvinegro no Nilton Santos.

Cronologia

Com um minuto de jogo, Chay aproveitou cruzamento de Guilherme Santos e marcou. Aos 43 do segundo tempo, o Bota puxou contra-ataque em alta velocidade e Diego Gonçalves concluiu.

Inédito

Pela primeira vez na história, Botafogo e Vasco fazem um clássico na Série B do Brasileiro. Para ambas as torcidas, o desejo é que isso não se repita em outras temporadas.

Causa nobre

Na entrada alvinegra em campo, os jogadores entraram com uma faixa com um alerta contra o tráfico de pessoas mundo afora. "Liberdade não se compra, dignidade não se vende. Denuncie o tráfico de mensagem", dizia a mensagem.

Pedido

Em meio a algumas faixas de organizadas do Bota, uma mensagem pintada em um pedaço branco de pano chamou a atenção na arquibancada vazia do Nilton Santos: "Queremos reforços".

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO X VASCO

Motivo: Série B
Data e hora: 31 de julho de 2021, às 21h (de Brasília)
Local: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (SC) e Johnny Barros de Oliveira (SC)
Gols: Chay, a 1 minuto do primeiro tempo; Fiego Gonçalves, aos 43 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Léo Matos (VAS); Rafael Navarro, Diego Gonçalves, Douglas Borges (BOT)
Cartões vermelhos:

Botafogo: Diego Loureiro; Daniel Borges, Kanu, Gilvan e Guilherme Santos; Barreto, Pedro Castro (Oyama) e Chay (Frizzo); Marco Antônio (Warley), Diego Gonçalves e Rafael Navarro (Rafael Moura). Técnico: Enderson Moreira

Vasco: Vanderlei, Léo Matos, Castan, Ernando e MT; Bruno Gomes, Andrey (Juninho) e Marquinhos Gabriel (Sarrafiore); Morato (Gabriel Pec), Jabá (Figueiredo) e Cano. Técnico: Lisca