PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Já de olho na Libertadores, Palmeiras perde com reservas para o Ceará

Do UOL, em São Paulo

24/01/2021 17h54

O Ceará venceu os reservas do Palmeiras por 2 a 1, hoje (24), no Castelão, em jogo da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Lima e Vina fizeram os gols do Vozão, enquanto Gabriel Veron descontou para a equipe alviverde.

Abel Ferreira descansou praticamente todos os seus titulares, pois no sábado que vem (30) disputa a final da Copa Libertadores, contra o Santos, no Maracanã. Melhor para o Vozão, que venceu a segunda partida seguida e chegou aos 45 pontos, na oitava colocação.

Já o Palmeiras perdeu a segunda seguida e segue com 51 pontos, mas agora na sexta colocação e sem conseguir encostar nos ponteiros. O Verdão joga na terça (26), contra o Vasco, em duelo atrasado da primeira rodada, enquanto o Ceará volta a campo apenas no domingo que vem (31), para receber o Athletico-PR.

O MELHOR: VINA LIDERA O VOZÃO

Autor do segundo gol do Ceará, de pênalti, Vina foi um dos destaques na vitória alvinegra, dando muito trabalho à defesa palmeirense. Ele foi quem deu mais passes decisivos na partida: cinco.

O PIOR: EMPEREUR NÃO VAI BEM

O zagueiro alviverde não teve mais uma boa atuação. Atrasado em alguns momentos, o camisa 33 teve trabalho com Gustavo Scarpa pelo lado esquerdo da defesa do Palmeiras, o mais incomodado pelos contra-ataques do Ceará.

FELIPE MELO VOLTA DEPOIS DE 77 DIAS

Recuperado de uma fratura no tornozelo esquerdo, Felipe Melo voltou a jogar nesta tarde, aos 28 minutos do segundo tempo, substituindo Patrick de Paula. A previsão mínima de retorno quando o volante se lesionou era de ficar de 90 a 120 dias fora, mas Felipe tinha como meta retornar a tempo de disputar a final da Copa Libertadores, no dia 30. O volante ainda recebeu um cartão amarelo em seu retorno.

ATUAÇÃO DO CEARÁ

O time de Guto Ferreira aproveitou-se muito bem dos erros alviverdes, com uma estratégia baseada muito em contragolpes. Lima foi esperto no primeiro gol, e Vina bateu de forma precisa o pênalti no segundo. Com menos posse de bola durante todo o tempo, o Ceará conseguiu proteger sua defesa razoavelmente bem e não foi sufocado pelo Palmeiras por jogadas consecutivas.

ATUAÇÃO DO PALMEIRAS

Com um time reserva, o Verdão mostrou organização, mas pagou por falhas decisivas, tanto as defensivas nos gols do Ceará, quanto nas ofensivas, desperdiçando boas oportunidades, como uma com Gabriel Veron, ainda no primeiro tempo. O nível da atuação, porém, foi caindo com as trocas e entradas de mais garotos na etapa final.

CRONOLOGIA

O Ceará abriu o placar cedo, aos nove minutos de jogo, graças a um erro de Gustavo Scarpa, que não conseguiu dominar a bola sozinho, na entrada da área. Lima roubou dele, carregou para dentro da área e tocou na saída de Jailson, para abrir o placar. Aos 28, novo erro alviverde, agora em uma bola longa do campo de defesa: Patrick de Paula tomou a frente de Léo Chú, e o árbitro considerou pênalti. Vina ampliou na cobrança. A resposta alviverde veio logo em seguida, com o gol de Gabriel Veron, aos 33.

Na etapa final, o jogo teve menos oportunidades. A tentativa de empate do Palmeiras acabou dependendo demais de bolas longas, mas sem conseguir incomodar o goleiro Richard. O Vozão, do outro lado, seguiu na estratégia do contra-ataque, mas também com pouca efetividade.

LATERAL É EXPULSO SEM JOGAR

Eduardo, lateral do Ceará, foi o único jogador expulso no confronto, mas ele nem entrou em campo. O jogador foi advertido com o cartão amarelo no banco, por reclamação no primeiro tempo. Quando estava em aquecimento, na etapa final, ele levou o segundo amarelo e consequentemente recebeu o vermelho.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 2 x 1 PALMEIRAS

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 24 de janeiro de 2021, domingo
Horário: 16h
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (Fifa-SC)
Assistentes: Helton Nunes (SC) e Johnny Barros de Oliveira (SC)
Quarto Árbitro: Léo Simão Holanda (CE)
VAR: Adriano Milczvski (PR)
Cartões amarelos: Léo Chú, Charles (CEA); Patrick de Paula, Alan Empereur, Emerson Santos, Felipe Melo, Esteves (PAL)

Cartão vermelho: Eduardo (CEA)

GOLS: Lima, aos nove minutos do primeiro tempo (1-0); Vina, aos 28 minutos do primeiro tempo (2-0); Gabriel Veron, aos 33 minutos do primeiro tempo (2-1)

CEARÁ: Richard; Samuel Xavier, Tiago Pagnussat, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho (William Oliveira), Fernando Sobral, Vina (Felipe Vizeu), Lima e Léo Chú (Charles); Cléber (Saulo). Técnico: Guto Ferreira

PALMEIRAS: Jailson; Mayke, Gustavo Gómez, Alan Empereur e Gustavo Scarpa (Pedro Acácio); Emerson Santos, Patrick de Paula (Felipe Melo) e Lucas Lima; Breno Lopes, Gabriel Veron (Esteves) e Gabriel Silva (Fabrício). Técnico: Abel Ferreira

Futebol