PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Confusão no início de velório de Maradona deixa um ferido; assista

Do UOL, em São Paulo

26/11/2020 08h58

A Plaza de Mayo, que fica em frente à Casa Rosada, sede do governo argentino, foi palco de empurra-empurra, protestos e aglomeração sem máscara na manhã de hoje, durante o início do velório de Diego Maradona. O ex-jogador morreu ontem aos 60 anos após uma parada cardiorrespiratória.

Imagens registradas pela Teleamazonas (assista abaixo) mostraram parte do confronto, que se deu após alguns torcedores invadirem uma área bloqueada pela polícia local.

O saldo final da confusão foi de uma pessoa ferida, segundo o jornal argentino Olé.

O tumulto foi controlado depois de alguns minutos, e o velório, que deve ser encerrado às 16h (horário de Brasília), seguiu normalmente.

Assista ao momento:

A morte

Maradona morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória em sua residência, em Tigre, cidade vizinha de Buenos Aires. O laudo preliminar da autópsia realizada ontem (25) apontou um quadro de insuficiência cardíaca aguda. A análise definitiva será divulgada em até 48 horas.

A saúde do craque argentino já estava precária desde o início do mês, quando ele foi operado de um hematoma subdural e depois, por decisão familiar e médica, permaneceu hospitalizado devido a uma "baixa anímica, anemia e desidratação" e um quadro de abstinência devido ao vício em álcool.

O ex-jogador chegou a ter alta há duas semanas e passou seus últimos dias em casa, acompanhado de enfermeiras 24 horas por dia.

Antes dos problemas de saúde, o campeão mundial trabalhava como técnico do Gimnasia y Esgrima, de La Plata.

Futebol