PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Weverton reclama de maratona para defender o Palmeiras: "É cansativo"

Weverton em ação pelo Palmeiras contra o Tigre, pela Libertadores - Mauro Horita/Conmebol
Weverton em ação pelo Palmeiras contra o Tigre, pela Libertadores Imagem: Mauro Horita/Conmebol

Do UOL, em São Paulo

18/11/2020 21h40

Classificação e Jogos

Menos de 24 horas após ter estado no banco de Tite durante a vitória da seleção brasileira por 2 a 0 sobre o Uruguai, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, o goleiro Weverton foi o titular do Palmeiras no empate em 2 a 2 contra o Ceará, que garantiu ao Alviverde uma vaga nas semifinais da Copa do Brasil. Entretanto, o camisa 1 palmeirense não escondeu sua exaustão após uma maratona que envolveu até uma escala no Paraguai para a incorporação do também palmeirense Gustavo Gómez, mas comemorou a classificação do Verdão.

"A gente sabia que o jogo aqui seria muito mais difícil (que a ida). O Ceará é uma boa equipe, um time muito bem treinado. Aqui o calor é muito grande, é difícil jogar aqui, cansativo... Para mim, então, nem se fala. O esforço do Palmeiras, da Leila, nossa patrocinadora, foi muito grande para que eu e o Gustavo (Gómez) pudéssemos estar aqui hoje. Mas, por mais que tenhamos tido todo esse conforto, na alimentação, num avião confortável, é cansativo. É difícil você estar em um país, viajar a noite toda para estar em outro e já jogar. Mas estou feliz de estar aqui e feliz pela classificação. Quero dar os parabéns a toda a equipe, que se comportou muito bem, soube administrar a classificação e agora vamos seguir avançando e descansar bem, já que sábado (21) teremos outro jogo importante e precisamos agora concentrar bem no Brasileiro", disse o jogar ao canal Premiere.

Esta será a 9ª semifinal do Palmeiras na Copa do Brasil. O adversário do Verdão na próxima fase sairá do vencedor do duelo entre América-MG e Internacional, que se enfrentam hoje (18), às 21h30 (de Brasília), no Estádio Independência.

Futebol