PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em jogo com expulsões, Grêmio e Fortaleza ficam no empate em Porto Alegre

Do UOL, em São Paulo

13/09/2020 17h54

Neste domingo (13), Grêmio e Fortaleza se enfrentaram em Porto Alegre pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A e o jogo terminou empatado por 1 a 1, gols de Diego Souza e Osvaldo. A partida ficou marcada pelo clima tenso no segundo tempo, resultando na expulsão do gremista Luiz Fernando e de Gabriel Dias, pelo lado dos visitantes.

O resultado mantém as duas equipes no meio da tabela de classificação com 12 pontos e perdem a chance de encostar nos primeiros colocados.

Na próxima rodada, o time comandado pelo técnico Renato Gaúcho enfrenta em casa a equipe do Palmeiras, enquanto o Fortaleza voltará aos seus domínios para jogar contra outro time do Rio Grande do Sul, desta vez contra o Internacional.

Chance perdida

O Grêmio perdeu a chance de retomar o caminho das vitórias e chegar a dois triunfos seguidos - na rodada passada, placar de 2 a 0 contra o Bahia. Com isso, o time também desperdiçou a oportunidade de se aproximar dos primeiros colocados.

Time titular em campo

Mesmo com um jogo importante no meio de semana, Renato escalou os donos da casa com praticamente força máxima, visando somar pontos no principal torneio nacional. O tricolor gaúcho encara a Universidad Católica, fora de casa, pelo Grupo E da Copa Libertadores da América.

Maicon machucado

Uma das principais peças do elenco do Grêmio, o volante Maicon preocupa o torcedor tricolor. Isso porque o experiente volante deixou o campo com fortes dores e foi substituído logo no primeiro tempo.

Duas tentativas

O gol do Grêmio saiu em cobrança de pênalti no começo do segundo tempo, só que Diego Souza precisou cobrar duas vezes para valer. Isso porque na primeira tentativa o atacante errou e o tento foi marcado no rebote por Luiz Fernando, porém o atleta invadiu a área antes da cobrança e a tentativa foi anulada pelo Var.

O melhor: Osvaldo

Além de fazer o gol do Fortaleza no primeiro tempo, o atacante ajudou na marcação e era a principal válvula de escape do Leão quando tinha a bola. A atuação não foi exemplar, mas o suficiente para se destacar na partida fraca tecnicamente deste domingo (13).

O pior: meio campo gremista

O meio campo dos donos da casa esteve longe dos melhores dias e as raras chances que o Grêmio teve ao longo do jogo foram de jogadas espontâneas e individuais. A falta de intensidade no setor foi fundamental para o resultado.

Atuação do Grêmio

O clube gaúcho teve como principal estratégia usar o atacante Diego Souza como referência e dar espaço para os jogadores de velocidade, como Everton e Alisson. Só que a dupla de zaga do time visitante se comportou muito bem, principalmente na primeira etapa, anulando as chances gremistas.

Atuação do Fortaleza

A equipe se comportou de maneira defensiva ao longo de toda a partida e conseguiu abrir o placar após um lance inesperado no primeiro tempo. A postura defensiva exagerada comprometeu o time no segundo tempo e os três pontos fora de casa não vieram ao grupo de Rogério Ceni.

História do jogo

Como já era esperado, o Grêmio tomou conta das ações iniciais, tendo maior posse de bola e maior tempo no campo adversário. A principal jogada era achar Diego Souza e criar pelas pontas após o centroavante ser acionado.

Porém, o time pecava nas finalizações e viu o Fortaleza abrir o placar após erro da defesa. Aos 16 minutos, o atacante Osvaldo cruzou na área e a bola entrou sem ninguém chegar perto da bola - o goleiro Vanderlei esperava um cabeceio adversário que não aconteceu.

O gol "inesperado" deixou os comandados por Renato Gaúcho mais impacientes e os erros começaram a aumentar, principalmente no setor de meio-campo, Para piorar, o experiente volante Maicon sentiu fortes dores e deixou o gramado ainda na primeira etapa.

No segundo tempo, o clima esquentou já aos dois minutos quando o árbitro da partida assinalou pênalti para o Grêmio. O gol de Diego Souza mudou o ritmo do confronto, já que agora o placar estava empatado.

Já aos 27 minutos, Luiz Fernando e Gabriel Dias se estranharam e quase se agrediram fisicamente, o suficiente para o árbitro mostrar o cartão vermelho para ambos, deixando os dois times com dez em campo.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 1 X 1 FORTALEZA

Competição: 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A
Data: 13/09/2020
Horário: 16h00
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Cartões amarelos: Robinho (Grêmio); Rogério Ceni e Osvaldo (Fortaleza)
Cartões Vermelho: Luiz Fernando (Grêmio); Gabriel Dias (Fortaleza)
Gols: Osvaldo, aos 16 minutos do primeiro tempo e Diego Souza aos seis minutos do segundo tempo.

Grêmio: Vanderlei; Orejuela, Geromel, David Braz e Cortez; Maicon (Robinho), Darlan, Alisson, Isaque (Luiz Fernando) e Everton; Diego Souza. Técnico: Renato Gaúcho

Fortaleza: Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Paulão e Carlinhos (Bruno Melo); Ronald (Luiz Henrique), Juninho e Romarinho; David (Yuri César), Wellington Paulista (Marlon) e Osvaldo (Derley). Técnico: Rogério Ceni

Futebol