Topo

Futebol


Renato reclama de 'cera' do Palmeiras e diz que Grêmio foi infeliz no jogo

REUTERS/Jorge Adorno
Imagem: REUTERS/Jorge Adorno

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

21/08/2019 00h33

Renato Gaúcho se mostrou incomodado com a postura do Palmeiras durante o jogo de ida das quartas de final da Libertadores. O treinador do Grêmio reclamou da 'cera' do time paulista ao longo do confronto em Porto Alegre, mas também admitiu que a jornada gremista não foi das melhores. Ainda assim, o técnico afirmou que a classificação está aberta.

O Palmeiras venceu o Grêmio por 1 a 0, gol de Gustavo Scarpa. Assista aos melhores momentos da vitória do Palmeiras.

"O Grêmio jogou bem, enfrentou uma equipe bem treinada e que joga fechada. O que não pode e quando a gente sofre uma derrota, e é difícil o Grêmio perder, pensar em mudar a forma de jogar. Não tem que mudar. O Grêmio foi infeliz hoje, não criou tanto como em outras partidas. E infelizmente o Scarpa acertou aquele chute. Mas nada está decidido. Com o Palmeiras venceu aqui, o Grêmio pode vencer lá", disse Renato Gaúcho em entrevista coletiva.

Em outro ponto da manifestação, o treinador ficou na bronca com a postura do Palmeiras.

"Arbitragem é um problema que a gente tem. Assisto Série A, Série B. É um mal que precisa ser combatido. Todo mundo usam dessas armas, umas usam até demais. Se o adversário quer fazer cera, tudo bem. Desde que seja acrescentado. Tem seis substituições, toda hora um jogador cai e sai alguém de marca. Aí dá cinco minutos de descontos. Quer dizer, as pessoas podem ficar felizes por serem malandras. Cuidado, podem ser picados por isso depois", comentou Portaluppi.

Na terça-feira que vem, no estádio do Pacaembu, o Grêmio precisa vencer para eliminar o Palmeiras. Se devolver o placar de 1 a 0, o duelo vai aos pênaltis. A equipe de Felipão joga por um empate para ir às semifinais da Libertadores.

Mais Futebol