Topo

Seleção Brasileira


Tite tira faixa de Neymar, e D. Alves será capitão da seleção na C. América

Pedro Martins/Mowa Press
Imagem: Pedro Martins/Mowa Press

Danilo Lavieri, Marcel Rizzo e Pedro Lopes

Do UOL, em Teresópolis (RJ)

27/05/2019 20h28

Neymar não será o capitão da seleção brasileira na Copa América. Escolhido por Tite o dono da braçadeira após o Mundial da Rússia, em 2018, o atacante do Paris Saint-Germain perdeu o posto após as recentes polêmicas no futebol francês - agressão a torcedor e suspensão por reclamações contra árbitros em redes sociais.

E Tite já escolheu o novo capitão: Daniel Alves. A informação foi divulgada inicialmente pela TV Globo e confirmada pelo UOL Esporte.

A reportagem apurou que o lateral-direito do PSG já foi informado pelo treinador por telefone - ele só se junta à seleção na Granja Comary amanhã (28) - que usará a braçadeira nos amistosos contra Qatar e Honduras, bem como durante a disputa da Copa América.

A CBF se apressou e tratou de confirmar a informação ainda na noite desta segunda-feira (27).

"Daniel Alves será o capitão da Seleção Brasileira nos amistosos contra Catar e Honduras e na Copa América Brasil 2019. Campeão da Copa América em 2007 e da Copa das Confederações em 2009 e 2013, ele é o jogador com maior número de convocações no grupo atual: são 138. Quando entrar em campo no dia 5 de junho para o amistoso contra o Catar, Dani retomará a capitania pela quinta vez sob o comando do técnico Tite. A última vez que o lateral-direito usou a braçadeira foi na vitória por um a zero contra a Alemanha, em março de 2018, coincidentemente sua última partida pela Seleção antes da lesão que o retirou da Copa da Rússia. A decisão foi comunicada por Tite a Neymar no último sábado (25). Após o treino do domingo (26), o treinador conversou com Daniel Alves para informá-lo de sua escolha.", postou a entidade.

Seleção Brasileira