PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Tite vota em Modric para melhor jogador do mundo; Miranda prefere CR7

Do UOL, em São Paulo

24/09/2018 18h03

Pouco após Luka Modric ser escolhido como o melhor jogador do mundo na última temporada, nesta segunda-feira (24), a Fifa divulgou os votos de capitães e técnicos de seleções que ajudaram a eleger o croata. Representando a seleção brasileira, Tite votou justamente em Modric, enquanto o capitão Miranda não tinha incluído o meio-campista entre seus três escolhidos.

Tite inclusive acertou os três finalistas ao listar, na ordem, Modric, Mohamed Salah e Cristiano Ronaldo. Já Miranda votou pelo sexto prêmio de CR7, com Mbappé em segundo e Messi em terceiro.

Nesta fase da eleição, só era possível votar nos dez atletas que anteriormente haviam sido escolhidos por um time de ex-craques e técnicos. Nenhum brasileiro figurou em tal lista, de modo que Tite e Miranda tiveram suas escolhas limitadas por este filtro.

Com Daniel Alves lesionado e fora da Copa do Mundo, Miranda foi apontado pela comissão técnica da seleção como o responsável pelo voto brasileiro no The Best. Como o prazo de entrega dos votos era o dia 10 de agosto, não havia tempo hábil para esperar a definição de um novo capitão — o que só ocorreu nos jogos de setembro.

Além de capitães e técnicos, a votação da Fifa também incluiu a participação de torcedores e jornalistas de países que são filiados à Fifa. Quem representou o Brasil foi Paulo Vinícius Coelho, que assim como Miranda votou em Cristiano Ronaldo, Mbappé e Messi. Em seu blog no UOL Esporte, PVC evoca os números para explicar o voto em CR7.

Os três citados também votaram para eleger o melhor técnico da última temporada. Todos deram preferência a Didier Deschamps, que comandou a seleção francesa ao bicampeonato mundial na Rússia.

Confira a lista de vencedores na premiação The Best:

Melhor jogador (futebol masculino): Modric (Real Madrid/Croácia)
Melhor jogadora (futebol feminino): Marta (Orlando Pride/Brasil)
Premio Puskás (gol mais bonito): Mohamed Salah (Gol pelo Liverpool contra o Everton)
Melhor técnico (futebol masculino): Didier Deschamps (França)
Melhor técnico (futebol feminino): Reynald Pedros (Lyon)
Melhor goleiro: Thibaut Courtois (Real Madrid/Bélgica)
Melhor torcida: Peruanos na Copa do Mundo
Fair Play: Lennart Thy 
Seleção da temporada: David De Gea (Manchester United/Espanha); Dani Alves (PSG/Brasil), Sergio Ramos (Real Madrid/Espanha), Raphael Varane (Real Madrid/França) e Marcelo (Real Madrid/Brasil); Luka Modric (Real Madrid/Croácia), N’Golo Kanté (Chelsea/França) e Eden Hazard (Chelsea/Bélgica); Lionel Messi (Barcelona/Argentina), Kylian Mbappé (PSG/França) e Cristiano Ronaldo (Juventus/Portugal)

Futebol