PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santos recebe quase R$ 34 milhões do PSG por negociação de Neymar

Santos recebeu 4% dos 222 milhões de euros gastos pelo PSG para ter Neymar - AFP PHOTO / FRANCK FIFE
Santos recebeu 4% dos 222 milhões de euros gastos pelo PSG para ter Neymar Imagem: AFP PHOTO / FRANCK FIFE

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos

26/10/2017 16h45

O Santos recebeu quase R$ 34 milhões do Paris Saint-Germain no mês de setembro, em valor correspondente à contratação do atacante Neymar pelo clube francês. Parte dos 222 milhões de euros (R$ 846 milhões) gastos pelo time francês para tirar o jogador do Barcelona foi para o clube paulista, que formou o atleta, graças ao mecanismo de solidariedade da Fifa.

A quantia recebida pelo Santos corresponde a cerca de 4% do total gasto pelo PSG, no que foi a contratação mais cara da história do futebol mundial. Neymar esteve no Santos entre os 12 e os 21 anos, o que dava à equipe brasileira direito ao valor.

O próprio Neymar intercedeu para que o PSG pagasse o valor do mecanismo de solidariedade ao Santos, como o empresário Wagner Ribeiro revelou na época da transferência. A entrada do dinheiro deve ajudar o Santos a fechar bem o ano financeiro, que corria risco de ficar no vermelho. O presidente Modesto Roma Júnior afirmou nesta quinta-feira (26) à TV Bandeirantes que o clube terá resultados contábeis "muito bons".

"Amanhã vamos entregar o balancete do terceiro trimestre. A notícia boa é que o balancete vai mostrar que em nove meses o clube teve superávit. Isso não quer dizer dinheiro em caixa, são números. Isso é importante saber. Não posso falar muito por causa do sigilo, mas posso dizer que a situação está equacionada", disse ele.

O Santos, aliás, teve que provar que Neymar era atleta da equipe desde os 12 anos, já que a legislação brasileira só permite que um time registre um jogador a partir dos 14. Para isso, foram usadas súmulas de jogos de campeonatos de categorias de base e comprovantes de ajuda de custos à família do jogador, que incluem até alugueis de imóveis.

A indenização da Fifa no mecanismo de solidariedade possui pesos diferentes: 0,25% para cada um dos quatro primeiros anos (entre os 12 e os 15), e 0,5% nos anos seguintes (entre 16 e 21).

Futebol