PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Inter diz que não liberou promessa e rescisão é tratada por advogados

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

28/08/2017 12h12

Após o pai do atacante Bruno Gomes, Paulo Roberto, ter informado a rescisão do jogador com Inter, que até já foi publicada pelo Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, o Internacional negou ter liberado o atleta para voltar ao Estoril, de Portugal. Segundo o vice de futebol Roberto Melo, o assunto será tratado pelo departamento jurídico. 

Bruno Gomes treina com Estoril e Inter diz que não liberou - Divulgação/Estoril - Divulgação/Estoril
Imagem: Divulgação/Estoril

O clube gaúcho não mudou de postura. Quando informado do posicionamento do pai do atleta, o Colorado jamais confirmou a rescisão. Apenas informou que Bruno estava fora dos treinos e jogos recentemente porque tratava de uma situação contratual. 

Depois da partida de sábado, o vice de futebol Roberto Melo não entrou em detalhes. Disse apenas que o assunto era tratado pelo departamento jurídico. "Não liberamos ele, não está liberado, não foi feita rescisão. É uma questão que afeta o departamento jurídico. É isso. Sobre ele, é isso que posso falar", explicou Melo. 

O que desagrada a direção vermelha é a falta de pagamento. O Estoril tentou compor a compra dos direitos do jogador junto ao clube há aproximadamente um mês, mas não houve acordo. Bruno voltou de empréstimo após uma temporada e foi reintegrado. Treinou e esteve relacionado para dois jogos. 

Agora, os portugueses, ligados à Traffic, que também é parceira nos direitos de Bruno, querem o regresso dele de forma gratuita após rescisão de contrato. A conduta fez o Inter acionar os advogados, que tratam do tema. 

Procurado pela reportagem do UOL Esporte, o estafe do atleta preferiu não se manifestar mais. Enquanto isso, no último fim de semana, o Instagram do Estoril publicou uma foto em que Bruno aparece junto a companheiros depois de um treinamento. "Já com nosso camisa 9", postou na legenda. 

Com histórico de mais de 130 gols na base do Desportivo Brasil, Bruno Gomes, hoje aos 20 anos, regressou ao Inter depois de dois períodos de empréstimo. Foi cedido ao Genoa, da Itália, e ao Estoril, de Portugal. No clube gaúcho, esteve apenas alguns minutos em campo com o principal e a maior parte de suas apresentações foi com o time B. 

Futebol