PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ser expulso por reclamação não é novidade para Luís Fabiano. Confira

Luis Fabiano já foi expulso seis vezes por discutir com a arbitragem - Leandro Moraes/UOL
Luis Fabiano já foi expulso seis vezes por discutir com a arbitragem Imagem: Leandro Moraes/UOL

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

28/03/2017 04h00

A “peitada” de Luís Fabiano no árbitro Luis Antônio Silva Santos, o Índio, no clássico com o Flamengo, no último domingo (26), não foi um episódio isolado. Com o cartão vermelho recebido em Brasília, o experiente atacante chegou a sexta expulsão na carreira oriunda de uma reclamação acintosa com a arbitragem.

Na final

Luís Fabiano foi expulso contra o Flamengo na Copa dos Campeões de 2001 - Ernesto Rodrigues/Folhapress - Ernesto Rodrigues/Folhapress
Imagem: Ernesto Rodrigues/Folhapress

O primeiro embate de Luís Fabiano foi ainda bem jovem, em 2001, com o ex-árbitro Márcio Rezende de Freitas, na final da Copa dos Campeões entre São Paulo e Flamengo. O atacante foi expulso por reclamação no segundo tempo e o Tricolor paulista perdeu o título.

Dia das bruxas

Luís Fabiano comemora gol na vitória do São Paulo - Fernando Santos/Folhapress - Fernando Santos/Folhapress
Imagem: Fernando Santos/Folhapress

Dois anos depois, Luís Fabiano e Márcio Rezende de Freitas voltaram a se desentender. O jogo era válido pelo Campeonato Brasileiro entre São Paulo e Atlético-PR no Morumbi. O atacante cometeu uma falta, recebeu o cartão amarelo e reclamou. O ex-árbitro não pensou duas vezes e sacou o vermelho. Após o jogo, Fabuloso desabafou:

“Hoje foi o dia das bruxas para mim. Porém, dias melhores virão”.

Kaká incrédulo

Luís Fabiano e Kaká wm 2003 - Flávio Florido/Folhapress - Flávio Florido/Folhapress
Imagem: Flávio Florido/Folhapress

Também em 2003, pelo Campeonato Paulista, o São Paulo visitou a Inter de Limeira e nem o 1 a 0 parcial no placar do primeiro tempo acalmou Luís Fabiano. Após ter, aparentemente, sofrido uma falta, se irritou pela não marcação do árbitro e recebeu o cartão amarelo. Inconformado, continuou reclamando até ganhar o vermelho, indo para o vestiário mais cedo.

Na ocasião, um até então jovem Kaká assistiu a tudo incrédulo.

‘Dá vontade de te meter soco na cara’

Súmula de Elmo para Luis Fabiano - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Em 2012, Luis Fabiano destilou toda sua ira contra Elmo Alves Resende. O jogo já caminhava para o fim com um gol seu na vitória por 1 a 0 do São Paulo contra o Atlético-MG quando o atacante, então capitão, foi reclamar de uma falta de Ronaldinho Gaúcho. Após ser advertido pelo árbitro, continuou discutindo, foi expulso e não economizou nos palavrões.

Na súmula da partida, Elmo citou as supostas ofensas: “Seu filho da p.., você é um v... Dá vontade de te meter soco na cara, vagabundo, te encher de pancada”.

Expulso depois do jogo

08-03-2013 - Luis Fabiano discute com árbitro Wilmar Roldan, da Colômbia - Julia Chequer/Folhapress - Julia Chequer/Folhapress
Imagem: Julia Chequer/Folhapress

Num caso curioso, Luís Fabiano conseguiu ser expulso após o apito final na partida contra o Arsenal de Sarandi, da Argentina, pela Libertadores de 2013. Inconformado, ele foi na direção do árbitro. A autoridade não gostou das palavras do atacante e sacou o cartão vermelho já cercado por policiais militares.

Peitada

No clássico deste domingo (26) contra o Flamengo em Brasília, Luís Fabiano não gostou de ter recebido o cartão amarelo e peitou o árbitro Luis Antônio Silva Santos, o Índio. A autoridade também divulgou na súmula xingamentos do atacante (veja abaixo).

Súmula da arbitragem do clássico entre Flamengo e Vasco - Divulgação Ferj - Divulgação Ferj
Imagem: Divulgação Ferj

 

 

Futebol