PUBLICIDADE
Topo

Notícias em primeira mão dos bastidores do futebol, informações exclusivas sobre o seu time, novidades do mercado da bola e o melhor do jornalismo esportivo em um só lugar. Só para assinantes UOL!

Familiares de jogadores são barrados em Portugal durante pandemia

Jordi, quando era goleiro do CSA: ele é um dos jogadores que estão enfrentando problemas para que sua família entre em Portugal - Jhony Pinho/AGIF
Jordi, quando era goleiro do CSA: ele é um dos jogadores que estão enfrentando problemas para que sua família entre em Portugal Imagem: Jhony Pinho/AGIF

Do UOL, em São Paulo

02/10/2020 04h00

Jogadores de futebol do Brasil têm dificuldades para que os familiares, incluindo esposas, entrem em solo português em meio à pandemia do novo coronavírus. Todos trabalham normalmente no país, mas não recebem permissões para que os familiares entrem no local. Apenas jogadores do Benfica receberam autorização para que os parentes entrassem no país. Os jogadores entram em contato com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), que pede para que resolvam no consulado brasileiro em Portugal, que devolve a situação ao SEF. As companhias aéreas também alegam impossibilidade para solucionar o caso.

A coluna UOL De Primeira teve acesso a e-mails trocados entre as famílias de atletas do Paços Ferreira, Lucas Silva, ex-Flamengo, e Jordi, ex-Vasco, e as autoridades portuguesas. Todos tentam que as esposas entrem no país europeu, mas encontram dificuldades. Há problemas também em times como Marítimo e Sporting. A reportagem enviou uma mensagem por e-mail ao SEF na última terça-feira (29), mas não obteve resposta do órgão ligado ao governo português. (Por Thiago Fernandes)

São Paulo quer reduzir folha salarial; Luan, Calazanz e Shaylon podem sair

O São Paulo enfrenta um momento turbulento em suas finanças. Por isso, o clube tenta reduzir a sua folha salarial — como já havia sido solicitado pelo Conselho de Administração no ano passado. Neste sentido, três jogadores que não estão sendo tão utilizados, podem ser negociados: Luan, Marquinhos Calazans e Shaylon. O primeiro interessa ao Portimonense, de Portugal. O segundo, que nem sequer treina com os profissionais, está na mira do CRB. "Estamos conversando com o São Paulo e o agente do atleta", disse Thiago Paes, executivo do CBR, ao UOL. O terceiro pode ir ao Goiás. (Por José Eduardo Martins e Marcello De Vico)

Globo vai lançar pacote comercial do Futebol 2021 em 16 de outubro

A Globo já marcou a data para lançar ao mercado publicitário o pacote comercial do futebol 2021, que começará a valer a partir de fevereiro do ano que vem, após o fim do Campeonato Brasileiro. A emissora fará um evento virtual no dia 16 de outubro com participações remotas de nomes como Galvão Bueno. A Globo não teme falta de interesse dos anunciantes mesmo com a saída da Libertadores da América do pacote mais valioso da televisão brasileira. Além de compensar com jogos da seleção brasileira no ano que vem, a emissora terá exposição de marcas parceiras na transmissão da Eurocopa e no ambiente digital, fora o já tradicional comercial em programas de maior audiência da Globo, como o "Jornal Nacional" e a novela das 21h. (Por Gabriel Vaquer)

Marcos Braz declara bens, mas ainda estuda se disputa eleição

Marcos Braz, vice de futebol do Flamengo, cumpriu todo o protocolo exigido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que sua candidatura ao cargo de vereador no Rio de Janeiro seja homologada. O dirigente declarou seus bens (no total de R$ 365.403,81) e sua situação aparece como "aguardando julgamento". Filiado ao Partido Liberal (PL), Braz foi registrado com o número 22222, mas a situação ainda não foi definida. Sobre a inclusão de seu nome no sistema, ele disse à "De Primeira" que isso deve-se ao envio da ata do partido ao órgão e que não bateu o martelo até o momento. (Por Leo Burlá)

Inter considera vontade de Edenilson e aceita negociar volante

Edenilson quer ser negociado pelo Inter com o Al-Ittihad, da Arábia Saudita. O jogador já informou ao clube que pretende aceitar a oferta da equipe treinada por Fábio Carille. A negociação, antes descartada pelos gaúchos, mudou de cenário e agora depende de um acerto entre as partes. Segundo apurou o UOL Esporte, o clube já considera a saída do meio-campista e trabalha para ser recompensado no valor que pretende. (Por Marinho Saldanha)