PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Atlético de Madri denunciará CR7 por incitação à violência, diz jornal

Cristiano Ronaldo em campo na partida Juventus x Atlético de Madri pelas oitavas de final da Liga dos Campeões 2018/2019 - Marco Bertorello/AFP
Cristiano Ronaldo em campo na partida Juventus x Atlético de Madri pelas oitavas de final da Liga dos Campeões 2018/2019
Imagem: Marco Bertorello/AFP

Do UOL, em São Paulo

15/03/2019 18h15

O Atlético de Madri não gostou da comemoração de Cristiano Ronaldo ao fim das oitavas de final da Liga dos Campeões, na última terça-feira (12), quando o jogador celebrou a vitória da Juventus com gestos provocativos. Segundo o jornal espanhol As, a equipe Colchonera estuda prestar queixa formal à Uefa, em retaliação a atitude do jogador português.

O episódio aconteceu após a vitória por 3 a 0 do time de Turim. Cristiano dirigiu-se a um ponto misto da arquibancada, e segurou suas partes íntimas, reproduzindo gesto polêmico feito por Diego Simeone, técnico do Atlético de Madri, durante o jogo de ida. Na ocasião, o argentino pediu desculpas, mas teve que arcar com uma multa de 20 mil euros (R$ 86 mil).

Se Cristiano Ronaldo for considerado culpado pela Uefa, poderá pagar multa similar a de Simeone. Além disso, o craque corre risco de ter sua atitude enquadrada como ''incitação a violência'', que tem como punição a suspensão por até três jogos.

O Atlético de Madri também poderá usar ao seu favor imagens exclusivas gravadas pelas câmeras do canal Movistar, que mostram o autor do hat-trick, responsável por definir a vitória da equipe de Turim, chamando os fãs rojiblancos de ''filhas da p...''.

Esporte