PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Henrique diz que Cruzeiro soube sofrer e valoriza recuperação com 1º lugar

Volante valorizou recuperação celeste que terminou com o primeiro lugar do grupo 5 - Thomas Santos/AGIF
Volante valorizou recuperação celeste que terminou com o primeiro lugar do grupo 5 Imagem: Thomas Santos/AGIF

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

22/05/2018 23h59

O capitão Henrique valorizou muito a volta por cima do Cruzeiro na Libertadores. Nesta noite de terça-feira, a equipe venceu o Racing por 2 a 1 e terminou sua participação na liderança do grupo 5. O volante destacou a força do clube para conseguir se recuperar após somar apenas dois pontos nos três primeiros compromissos. Na outra metade dos jogos, a equipe foi impecável e venceu todos os três. Clique aqui e assista aos gols.

"Classificação importante, sabemos das dificuldades de jogar uma Libertadores. Tivemos um começo muito contestado, começamos mal, mas surpreendemos e demos a volta por cima. O primeiro passo foi alcançado, agora é continuar forte, temos que trabalhar bastante ainda, sabemos o quanto é difícil chegar bem nessa competição", comentou.

Após um início arrasador no Mineirão, o Cruzeiro sofreu o gol do Racing ainda antes dos 30 minutos do primeiro tempo e foi salvo pela trave do goleiro Fábio, que impediu o empate argentino ainda antes do intervalo. Na etapa final, a equipe novamente sofreu com algumas ofensivas do rival e ainda não conseguiu matar a partida nos contra-ataques, o que deu ares de drama à partida até seu último minuto.

"Começamos o jogo bem. Aproveitamos nosso momento, mas o futebol tem equipes qualificadas. Tivemos oportunidades para matar o jogo, mas o Cruzeiro soube jogar. Sofremos na hora que tinha que sofrer, mas também jogamos para conseguir a vitória", disse.

Com onze pontos, mas saldo de dez gols, o Cruzeiro ficou em primeiro no grupo 5, seguido pelo Racing, com a mesma pontuação e saldo de seis. No outro jogo da chave, o Vasco venceu a Universidad de Chile por 2 a 0 e acabou ficando na terceira posição, alcançando uma vaga na Copa Sul-Americana.

Futebol