PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Sem Neymar e Mbappé, Cavani marca e PSG abre 15 pontos no Francês

Photo by FRANCK FIFE / AFP
Imagem: Photo by FRANCK FIFE / AFP

Do UOL, em São Paulo

24/11/2018 15h53

O PSG segue imbatível no Campeonato Francês. Contra o Toulouse, no Parque dos Príncipes, o líder ganhou com tranquilidade por 1 a 0, sem Neymar e Mbappé, que estão machucados, chegou aos 42 pontos e abriu 15 pontos de vantagem sobre o Lyon, segundo colocado.

Além de manter o aproveitamento de 100%, o PSG ganhou sem precisar forçar o ritmo e poupou esforço para a decisão contra o Liverpool pela Liga dos Campeões. De quebra, ainda viu o retorno de Daniel Alves.

Na próxima rodada, o PSG enfrenta o Bordeaux fora de casa no domingo (2), mas antes tem jogo decisivo contra o Liverpool pela Liga dos Campeões na quarta (28). O Toulouse, que está em 15º lugar com 14 pontos, recebe o Dijon pela 15ª rodada.

O melhor: Cavani

Aproveitou a chance que teve para marcar e mostrou que na ausência dos artilheiros do time na competição ele faz a diferença. Fez seu nono gol no campeonato e igualou a marca de Neymar. Quando precisou, voltou para salvar na defesa.

O pior: Draxler

O meia alemão errou muitos passes e pouco participou da criação do líder. Sem Neymar e Mbappé, era esperado que Draxler tive uma maior influência no jogo do PSG. Ele foi substituído aos 35 minutos do segundo tempo por Nkunku.

Cavani faz a diferença

Cavani abriu o placar para o PSG aos 9 minutos do primeiro tempo. Di María chutou, o goleiro espalmou, no rebote Rabiot desviou de cabeça para Cavani, que driblou o zagueiro com a perna esquerda e, sem deixar a bola cair, chutou forte para marcar.

Aos 18 Cavani voltou a marcar após passe de cabeça de Thiago Silva, mas o uruguaio estava impedido. Cavani chegou aos 9 gols no Campeonato Francês, um a menos que Neymar e dois atrás dos artilheiros do torneio, Mbappé e Emiliano Sala (Nantes).

 Chance do Toulouse 

A melhor chance do Toulouse aconteceu no fim do primeiro tempo. O capitão Max-Alain Gradel recebeu cruzamento da direita e tentou um voleio da marca do pênalti, mas a bola foi por cima do gol de Buffon.

Mbappé e Neymar no estádio

ney - FRANCK FIFE / AFP - FRANCK FIFE / AFP
Imagem: FRANCK FIFE / AFP
Machucados após os jogos das seleções, os atacantes Mbappé e Neymar assistiram à partida juntos no Parque dos Príncipes. Descontraídos, eles apareceram na transmissão ao fim do primeiro tempo. Neymar aproveitou para levar seu filho, Davi Lucca, ao estádio.

Daniel Alves volta aos gramados

Após seis meses afastado por ter rompido o ligamento do joelho direito que o tirou da Copa do Mundo da Rússia, o brasileiro ficou no banco de reservas pela primeira vez após a operação. Ele entrou no lugar de Meunier aos 24 minutos do segundo tempo.

Esporte