PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Inter vence a quinta partida seguida e cola no líder da Série B

Jogadores do Internacional comemoram gol marcado por D"Alessandro - Frankie Marcone/Futura Press/Estadão Conteúdo
Jogadores do Internacional comemoram gol marcado por D'Alessandro Imagem: Frankie Marcone/Futura Press/Estadão Conteúdo

Do UOL, em Porto Alegre

19/08/2017 18h19

Apenas um ponto separa o Inter do primeiro lugar da Série B. Neste sábado (19), o Colorado conquistou a quinta vitória seguida ao bater o ABC-RN, fora de casa, por 3 a 0. O resultado reduziu ainda mais a diferença para o líder América-MG.

Os mineiros empataram com o Goiás em 1 a 1 na sexta-feira. Chegaram a 40 pontos. Já o Inter, com a vitória deste sábado, foi a 39. O derrotado ABC soma 16 pontos e é lanterna da competição.

A vitória foi construída com uma atuação segura do time vermelho. Com bom aproveitamento de contra-ataque e postura defensiva qualificada, o Colorado não deu qualquer chance para os donos da casa.

Na próxima rodada, o Inter terá pela frente o Paysandu, sexta-feira, no Beira-Rio. Já o ABC encara o Vila Nova-GO, fora de casa, no próximo sábado.

Pottker faz gol e se movimenta muito

William Pottker foi um dos principais jogadores do Inter na partida. Com gol, o sétimo na Série B, o atacante ainda contribuiu com movimentação extrema e também sofreu o pênalti que acabou no gol de D'Alessandro.  

Ex-corintiano, apagado, sai no intervalo

Vitor Júnior, com passagens por Inter, Cruzeiro e Corinthians, era o principal nome do ABC-RN. Mas ficou só no nome. O jogador foi apagado no primeiro tempo e sacado no intervalo. 

Como há oito anos....

Não acontecia desde 2009, quando Mário Sérgio comandava o time. O Inter repetiu a escalação pela terceira vez seguida. Embalado pela série de vitórias, o técnico Guto Ferreira manteve os mesmos 11 iniciais dos jogos contra Londrina e Guarani.

Bola parada, controle e 9º pênalti (com polêmica)

O Internacional não se viu ameaçado de fato uma vez sequer. Teve uma chance de Tatá, pelo ABC-RN, logo aos três minutos de jogo. Mas nada que abalasse a bola postura defensiva do time de Guto Ferreira. Mais efetivo quando chegou na frente, o Colorado abriu o placar aos 19 minutos com Eduardo Sasha. Ele aparou um rebote de escanteio e bateu forte. Em seguida, William Pottker entraria na área mas foi derrubado por Eltinho. A falta foi muito próxima da linha que inicia a grande área. O árbitro marcou pênalti, para reclamação dos jogadores do ABC, que alegavam que a falta havia sido fora da área. D'Alessandro cobrou e colocou dois de vantagem para o Inter antes do fim do primeiro tempo.

Domínio absoluto e mais gols

O quadro de domínio absoluto do Internacional seguiu durante os 45 minutos finais. Não precisou nem de 10 para William Pottker marcar o terceiro. Com atuação segura, o Colorado mostrou que se fosse necessário poderia até apertar mais atrás de um placar maior. Mas preferiu apenas controlar as ações e garantir os pontos. 

Torcedores com a camisa do Grêmio são retirados

Torcedores com a camisa do Grêmio posicionados próximos do espaço reservado para a torcida do Inter foram retirados das cadeiras especiais do Frasqueirão. Para evitar confusão, homens da Força Nacional que faziam a segurança do estádio evitaram provocações e tiraram os que vestiam as cores do adversário gaúcho. Em mais de um caso, os aficionados foram encaminhados ao lado de fora da casa do ABC e, se optaram por não deixar a camisa com os policiais, não foram autorizados a permanecer por ali.

 

FICHA TÉCNICA
ABC-RN 0 X 3 INTERNACIONAL

Data: 19/08/2017 (Sábado)
Local: estádio Frasqueirão, em Natal-RN
Árbitro: Felipe Gomes da Silva
Auxiliares: Luis Souza Santos Renesto e Diogo Morais
Cartões amarelos:  Eltinho (ABC), Bocão (ABC), Zottin (ABC); D'Alessandro (INT); 
Gols: Eduardo Sasha, do Inter, aos 17 minutos do primeiro tempo; D'Alessandro, do Inter, aos 29 minutos do primeiro tempo; William Pottker, do Inter, aos 5 minutos do segundo tempo; 

ABC-RN
Edson; Bocão, Márcio Passos, Cleiton e Eltinho (Levy); Anderson Pedra, Zotti, Vitor Júnior (Erivélton) e Tatá; Nando (Dalberto) e Fabinho.
Técnico: Marcio Fernandes

INTERNACIONAL
Danilo Fernandes; Claudio Winck, Victor Cuesta, Klaus e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson, D'Alessandro (Nico López), William Pottker (Carlos) e Eduardo Sasha (Camilo); Leandro Damião.
Técnico: Guto Ferreira

Esporte