PUBLICIDADE
Topo

Vitor Guedes

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Seleça, Selelama, Craque e Armaagedon da 7ª rodada do Brasileirão

Conteúdo exclusivo para assinantes
Vitor Guedes

Vitor Guedes é jornalista e professor universitário pós-graduado em Português, Língua e Literatura pela UMESP, autor do livro "Paixão Corinthiana", com passagens por Jovem Pan, Lance!, Site do Corinthians, BandNews FM, Agora São Paulo, FAPSP e UNG. Com Copas do Mundo, Mundial Libertadores, Brasileiros e dezenas de Paulistas no currículo, Vitor Guedes é 1977, pai do Basílio, ZL e, atualmente, é colunista do UOL Esporte e comentarista do Baita Amigos no Bandsports

Colunista do UOL

22/05/2022 20h57Atualizada em 22/05/2022 20h57

Na rodada em que o empate majestoso na Neo Química Arena manteve o Corinthians na liderança isolada e impediu o São Paulo de assumir a ponta, o grande vencedor foi o Palmeiras.

Com o 3 a 0 sobre o Juventude, em Caxias do Sul, o Verdão pegou o elevador e desembarcou no 2º lugar do interminável Campeonato Brasileiro de pontozzz corridozzz.

Do outro lado da tabela, a derrota em casa para o Fluminense afundou o Fortaleza ainda na armagedônica lanterna com apenas um ponto conquistado!

SELEÇA: Cássio (Corinthians); Matheuzinho (Flamengo), Kuscevic (Palmeiras), Rodrigo Caio (Flamengo) e Jefferson (Atlético-GO; Zé Rafael (Palmeiras), Jorginho (Atlético-GO), Gustavo Scarpa (Palmeiras) e Terans (Athletico-PR); Luiz Henrique (Fluminense e Calleri (São Paulo). Técnico: Abel Ferreira (Palmeiras).

SELELAMA: Max Walef (Fortaleza); Matheus Alexandre (Coritiba), Henrique (Coritiba), Da Silva (Goiás) e William Matheus (Juventude); Yuri (Juventude), Apodi (Goiás) e Jadson (Juventude); Alef Manga (Coritiba), Guilherme Parede (Juventude) e Angulo (Santos). Técnico: Vojvoda (Fortaleza).


CRAQUE DA RODADA: CÁSSIO

Cássio - Marcello Zambrana/AGIF - Marcello Zambrana/AGIF
Cássio impediu a vitória tricolor e manteve a liderança corinthiana
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF


Não fosse o Gigante, o maior goleiro da história do Corinthians, o São Paulo não só havia acabado com o tabu de jamais ter vencido na Neo Química Arena como teria
saído da sua 16ª visita à casa alvinegra na liderança isolada do Campeonato Brasileiro. Mas Cássio estava lá para manter o tabu e a ponta nas mãos corinthianas.

ARMAGEDON DA RODADA: LEONE CARVALHO ROCHA, VAR DE SANTOS 0 X 0 CEARÁ

O soprador de apito Sávio Pereira Sampaio é um péssimo árbitro e raramente acerta. E, quando isso acontece, como nos lances em que validou o gol do peixeiro Léo Baptistão e não expulsou o volante do Ceará Richard, veio o lixo maldito do VAR (operado em Barueri pelo péssimo Leone Carvalho Rocha) e transformou os dois acertos em dois erros com a anulação do gol e a recomendação (aceita pelo fraco Sávio) do vermelho para o atleta do Vozão. Uma vergonha e um escândalo. Ainda bem para a Copa do Mundo que não teremos brasileiros operando o VAR no Mundial! Ainda assim, com todos os erros do apito, o jogo não teria terminado 0 a 0 se o santista Angulo não tivesse perdido um gol inacreditável!

Eu sou o Vitor Guedes e tenho um nome a zelar. E zelar, claro, vem de ZL! É nóis no UOL!

Veja:

E me siga no Twitter e no Instagram.