PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Rafael Moura é o jogador mais vezes rebaixado na era dos pontos corridos

Rafael Moura, atacante do Goiás, foi rebaixado pela 6ª vez no Brasileirão - Heber Gomes/AGIF
Rafael Moura, atacante do Goiás, foi rebaixado pela 6ª vez no Brasileirão Imagem: Heber Gomes/AGIF
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

Colunista do UOL

22/02/2021 04h00

Com o empate por 0 x 0 contra o Bragantino nesse domingo (21), o Goiás foi rebaixado para a Série B do Brasileirão pela 5ª vez em sua história, sendo a 3ª na era dos pontos corridos.

No elenco do time goiano, o experiente atacante Rafael Moura caiu pela 2ª vez pelo clube (a outra foi em 2010) e se isolou como o jogador com mais rebaixamentos no Brasileirão na era dos pontos corridos - desde 2003. Rebaixado pelo Vitória em 2004, o He-Man caiu também com o Paysandu (2005), Figueirense (2016) e América-MG (2018).

Nesse Brasileirão de 2020, outro jogador rebaixado que aumentou sua lista de quedas para a Série B foi o goleiro Wilson, do Coritiba. Além de cair com o Figueirense (2008 e 2010), Vitória (2014) e Coritiba (2017), o jogador foi rebaixado pelo próprio Coxa em 2017.

Jogadores com mais rebaixamentos para a Série B no Brasileirão na era dos pontos corridos (2003-2020):
6 - Rafael Moura (atacante)
2004 - Vitória
2005 - Paysandu
2010 - Goiás
2016 - Figueirense
2018 - América-MG
2020 - Goiás

5 - Edílson (lateral direito)
2005 - Atlético-MG
2011 - Athletico-PR
2014 - Botafogo
2019 - Cruzeiro
2020 - Goiás

5 - Wilson (goleiro)
2008 - Figueirense
2010 - Figueirense
2014 - Vitória
2017 - Coritiba
2020 - Coritiba

5 - Henrique Almeida (atacante)
2010 - Vitória
2012 - Sport
2014 - Bahia
2017 - Coritiba
2019 - Chapecoense

4 - Nunes (atacante)
2005 - Coritiba
2006 - Fortaleza
2007 - América-RN
2009 - Santo André

4 - Tadeu (atacante)
2007 - Juventude
2008 - Figueirense
2010 - Grêmio Prudente
2012 - Palmeiras

4 - Jonas (lateral direito)
2006 - São Caetano
2009 - Sport
2010 - Vitória
2016 - América-MG

4 - Fernando Bob (volante)
2012 - Atlético-GO
2013 - Ponte Preta
2016 - Internacional
2017 - Ponte Preta

4 - Nino Paraíba (lateral direito)
2010 - Vitória
2014 - Vitória
2015 - Avaí
2017 - Ponte Preta

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que havia sido publicado, Rafael Moura foi rebaixado com o Figueirense em 2016, e não em 2014. O erro foi corrigido.