PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

Campeões estaduais, Grêmio e Palmeiras seguem bem vivos em três campeonatos

Maicon e Diego Souza comemoram gol do Grêmio contra o Goiás, no Brasileirão 2020 - Fernando Alves/AGIF
Maicon e Diego Souza comemoram gol do Grêmio contra o Goiás, no Brasileirão 2020 Imagem: Fernando Alves/AGIF
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

01/12/2020 14h50

Campeões estaduais em 2020, Grêmio e Palmeiras são os únicos times que ainda brigam por outros três títulos na temporada 2020: Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores.

Em ótima fase, os dois tiveram um mês de novembro bastante produtivo, com classificações para a semifinal da Copa do Brasil, vaga encaminhada para as quartas de final da Libertadores, sem grandes dificuldades, e deram um salto na tabela de classificação do Brasileirão, entrando de vez na briga pelo título também.

O Grêmio, do técnico Renato Gaúcho, chegou nessa segunda-feira (30) ao seu 14º jogo sem derrota na temporada com a vitória sobre o Goiás. Já são 10 vitórias nos últimos 11 jogos (empatou apenas contra o Corinthians por 0 x 0 em Itaquera). Com 37 pontos, o time gaúcho já empatou com o rival Internacional em pontos e com um jogo a menos (Flamengo, em casa).

Na Libertadores, o tricolor venceu o jogo de ida contra o Guaraní-PAR por 2 x 0, fora de casa, e vai tranquilo para o jogo de volta, em Porto Alegre, na próxima quinta-feira (3). Já na Copa do Brasil, terá pela frente o São Paulo na semifinal, com chance de chegar a sua 9ª final e se tornar o clube com mais finais disputadas no torneio.

Já o Palmeiras, que cresceu muito com seu novo treinador (o português Abel Ferreira) e após a saída de Luxemburgo, também soma 37 pontos no Brasileirão e ainda um jogo a menor (contra o Vasco, em casa). Com 10 vitórias nos últimos 12 jogos na temporada, o time de Abel Ferreira vem aumentando sua média de gols feitos e diminuindo a de gols sofridos. Nesses últimos 12 jogos, foram 29 gols feitos e apenas 5 gols sofridos.

Na Libertadores, ganhou bem do Delfín, no Equador, no jogo de ida das oitavas, e tem tudo para passar com facilidade no jogo de volta em São Paulo nessa quarta-feira (2). Time de melhor campanha na primeira fase, o Verdão deverá pegar LIbertad-PAR ou Jorge Wilstermann-BOL nas quartas de final, tendo um caminho mais tranquilo que os demais até a semifinal. Assim como na Copa do Brasil, onde enfrentará o América Mineiro.

Mas estar vivo nessas três competições pode vir a ser um problema com o calendário apertado para ambos ainda. Principalmente no Brasileirão, já que o líder Atlético-MG tem apenas uma competição em disputa, enquanto Flamengo e São Paulo, outros grandes candidatos ao título, e até o Santos, têm duas pela frente.

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.