PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

Atlético-MG é o líder do Brasileirão com a menor pontuação até a 23ª rodada

Jogadores do Atlético-MG comemoram gol sobre o Botafogo em jogo do Brasileirão 2020 - Alessandra Torres/AGIF
Jogadores do Atlético-MG comemoram gol sobre o Botafogo em jogo do Brasileirão 2020 Imagem: Alessandra Torres/AGIF
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

27/11/2020 04h00

Com a vitória sobre o Botafogo na quarta-feira (25), o Atlético-MG manteve a liderança do Brasileirão e chegou aos 42 pontos nessa 23ª rodada, com 3 pontos de vantagem sobre o Flamengo (que tem um jogo a menos) e 4 pontos a mais que o São Paulo (que tem três jogos a menos).

Com 60,9% de aproveitamento, o Galo do técnico Jorge Sampaoli tem a menor pontuação para um líder da 23ª rodada no Brasileirão por pontos corridos desde 2006, quando o campeonato passou a ser disputado por 20 clubes. Até então, o 'pior' líder era o Corinthians de 2011, com 43 pontos. Em 2019, o Flamengo, já com Jorge Jesus, tinha 52 pontos nessa altura campeonato.

De acordo com o site Chance de Gol, que faz os cálculos com base nas probabilidades de vitória, empate e derrota para os jogos ainda não realizados, o time que chegar a 80 pontos tem 99% de chance de ser campeão brasileiro. Para chegar lá, o Galo precisaria de mais 38 pontos em 15 jogos, com um aproveitamento de 83%. Algo bem improvável.

Se seguir com o aproveitamento atual (60,9%), o Atlético-MG conseguirá talvez 28 pontos, totalizando 70 no total. Segundo o Chance de Gol, hoje, quem chegar aos 72 pontos tem 50% de chance de título. Mas com o campeonato tão equilibrado, é bem provável que o campeão de 2020 conquiste o título 70 pontos ou um pouco mais.

Desde 2006, o campeão com a menor pontuação foi o Flamengo de 2009, com 67 pontos (58,8% de aproveitamento). Em 2010 (Fluminense) e em 2011 (Corinthians), foram campeões com 71 pontos (62,3% de aproveitamento). Já em 2019, o Flamengo foi o campeão com a maior pontuação (90) e o maior aproveitamento (78,9%).

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do informado anteriormente, o Atlético-MG tem três jogos a mais que o São Paulo, não dois.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.