PUBLICIDADE
Topo

Gabriel Vaquer

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Band vai deixar de transmitir o Campeonato Italiano; Disney avança

Lautaro Martínez comemorando seu gol pela Inter de Milão contra a Sampdoria - MIGUEL MEDINA / AFP
Lautaro Martínez comemorando seu gol pela Inter de Milão contra a Sampdoria Imagem: MIGUEL MEDINA / AFP
Gabriel Vaquer

Gabriel Vaquer cobre mídia esportiva desde 2014. No UOL Esporte, conta detalhes do evento onde seu time joga e onde seu profissional de TV esportiva favorito vai trabalhar.

Colunista do UOL

09/05/2021 04h00

A Band decidiu não continuar transmitindo os jogos do Campeonato Italiano para a temporada 2021/2022, que começa no mês de agosto. Com isso, além da TV aberta, a competição deixa também o BandSports, seu braço na TV por assinatura, onde os jogos do "Calcio" eram um de seus carros-chefes desde o ano passado.

Nos bastidores, o nome da Disney, com os canais ESPN e Fox Sports, é o que surge como favorito, avançando nas conversas para ter a liga já na próxima temporada.

A mudança de agência para negociações dos direitos do Italiano e o preço cobrado para a renovação afastaram a Band. Mesmo com a importância do evento para fortalecer seu departamento esportivo no ano passado. O campeonato da terra da bota era uma das atrações fixas do "Show do Esporte", maratona dominical com diversos eventos apresentado por Glenda Kozlowski e Elia Júnior.

Além disso, era ainda mais relevante para a grade do BandSports, elevando a baixa audiência do canal pago. Clássicos como Roma x Milan, por exemplo, chegaram a atingir a liderança entre os canais esportivos na TV Fechada, algo raro para a casa.

O Italiano segue em busca de um novo parceiro no Brasil. A liga italiana vendeu os direitos internacionais da Série A para a Infront Sports & Media, agência com sede na Suíça, até a temporada 2023/2024. Pelo contrato, foram pagos 139 milhões de euros (R$ 926 milhões na cotação atual).

Já a Copa Itália e a Supercopa da Itália ficaram com a S&T Sports Group, empresa que tem sede em Miami (EUA). O valor do contrato não foi confirmado.

No Brasil, a Globo e a TNT Sports gostariam de continuar com a competição. Mas a Disney é quem conversa de forma mais avançada nas negociações pela liga italiana. Hoje, é a favorita para levar as partidas, principalmente por sua força na América Latina.