PUBLICIDADE
Topo

Clodoaldo Silva

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Delegação de natação paralímpica já tem 33 atletas com índice para Tóquio

Edênia Garcia é um dos nomes garantidos da natação brasileira em Tóquio - Getty Images
Edênia Garcia é um dos nomes garantidos da natação brasileira em Tóquio Imagem: Getty Images
Conteúdo exclusivo para assinantes
Clodoaldo Silva

Clodoaldo Silva é o primeiro ídolo do esporte paralímpico brasileiro. Um dos maiores nadadores do mundo, é dono de 14 medalhas (6 ouros, 6 pratas e 2 bronze) paralímpicas. Também é palestrante, empresário, atuante na área de inclusão das pessoas com deficiência e comentarista do esporte paralímpico.

06/06/2021 16h39

Faltam menos de 80 dias para iniciar os Jogos Paralímpicos de Tóquio e nesta semana atletas brasileiros conquistaram índices em competições internacionais de tênis de mesa, em Lasko, na Eslovênia, de remo, em Gavirate, na Itália, além da seletiva nacional de natação que ocorreu no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo.

Uma das modalidades de maior destaque da equipe brasileira, a natação ganhou os holofotes nos quatro últimos dias. A seletiva da modalidade classificou 29 nadadores brasileiros com índice paralímpico para os Jogos de Tóquio. Além desses, a equipe conta ainda com os quatro campeões mundiais de 2019 - Edênia Garcia (classe S3), Daniel Dias (S5), Wendell Belarmino (S11) e Carol Santiago (S12).

A confirmação das vagas irá ocorrer após a verificação de elegibilidade do Comitê Paralímpico Internacional. Como o Brasil tem direito a ter 35 nadadores em Tóquio, mais dois atletas, um no masculino e outro no feminino, serão chamados para completar a equipe de Tóquio.

Se forem confirmados os 35 atletas, esse será o maior número de nadadores que o Brasil vai enviar para uma edição de Jogos Paralímpicos. Em 2016, foram 32 nadadores. Uma edição antes, em 2012, nos Jogos de Londres foram 20 nadadores. Confira abaixo a lista dos classificados.

Confira abaixo a lista de nadadores com índice para os jogos paralímpicos:

S1 - Gabriel Feiten e José Ronaldo
S2 - Gabriel Geraldo e Bruno Becker
S3 - Edênia Garcia e Mayara Barretto
S4 - Lídia Cruz, Patrícia Santos, Ronystony Silva e Eric Tobera
S5 - Susana Schnardorf, Joana Silva, Daniel Dias e Samuel Oliveira
S6 - Laila Abate, Talisson Glock e Gabriel Melone
S8 - Cecília Araújo, Gabriel Cristiano e Caio Amorim
S9 - Mariana Gesteira, Ruiter Silva e Ruan Souza
S10 - Phelipe Rodrigues
S11 - Wendell Belarmino e Mateus Sousa
S12 - Maria Carolina Santiago
S13 - Douglas Matera
S14 - Ana Karolina Soares, Beatriz Carneiro, Débora Carneiro, Gabriel Bandeira e João Pedro Brutos

Tênis de Mesa

O tênis de mesa que já tinha dez atletas classificados para Tóquio, conquistou mais uma vaga no último sábado em Lasko, na Eslovênia. A façanha foi da mesa-tenista Jennyfer Parinos, medalhista paralímpica por equipes nos Jogos Rio 2016. A vaga foi conquistada com a vitória na classe 9 feminina em cima da ucraniana Iryna Shynkarova. Como somente uma atleta conquistava a vaga direta para os Jogos, a brasileira levou a melhor.

Remo

Tivemos novidades também na equipe de remo. O Brasil conquistou duas vagas paralímpicas no qualificatório europeu, que ocorreu em Gavirate, na Itália. Com isso, a delegação brasileira irá competir no Japão com quatro barcos (skiffs masculino e feminino, double misto e quatro com timoneiro).

As conquistas vieram com a o primeiro lugar da atleta paulista Cláudia Santos, no barco single skiff feminino pela classe PR1 (formada por remadores que possuem somente mobilidade de ombros e braços) e com o segundo lugar no barco quatro com misto PR3 (para remadores com deficiência visual ou deficiências leves e que possuem mobilidade nas pernas, troncos e braços), formado por dois homens (Jairo Klug, Valdeni Silva Júnior) e duas mulheres (Ana Paula Souza e Diana Barcelos) e um timoneiro (Jucelino Silva)

Bom fim de domingo e abraços aquáticos para todos!