PUBLICIDADE
Topo

Fiocruz recomenda Carnaval em Salvador apenas com 90% da população vacinada

Para o órgão, evento só pode acontecer com 90% da população com duas doses da vacina contra covid-19 - JC Pereira /  AgNews
Para o órgão, evento só pode acontecer com 90% da população com duas doses da vacina contra covid-19 Imagem: JC Pereira / AgNews

Do UOL, em São Paulo

24/11/2021 17h08

Em ofício enviado à Câmara Municipal de Salvador (BA), a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) recomendou que o Carnaval só aconteça caso 90% da população tenha recebido duas doses da vacina contra covid-19.

A Comissão vai voltar a se reunir na próxima segunda-feira (29) para debater o relatório da audiência de hoje. Segundo o site oficial do governo do Estado, 68,8% da população estão vacinados com as doses necessárias.

O documento da Fiocruz foi lido durante audiência pública realizada hoje pela Comissão Especial de Acompanhamento da Retomada dos Eventos e pela Comissão do Carnaval no Centro de Cultura da Câmara de Salvador.

"Temos trabalhado com o parâmetro de pelo menos 80% das pessoas com esquema vacinal completo para se ter maior segurança. Considerando que o carnaval é um evento de massa, com muitas aglomerações e circulação de pessoas (de outros estados e países), consideramos muito importante que a vacinação tenha avançado mais ainda, com pelo menos 90%", escreveu a Fiocruz no ofício assinado pela Diretora do Instituto Gonçalo Moniz, Marilda de Souza Gonçalves, da Fiocruz-Bahia.

A Fiocruz sugere, ainda, que Salvador se prepare para um segundo cenário, em que a pandemia se agrava até o Carnaval de 2022 e a cidade precisa preparar um evento com atividades limitadas.

UOL entrou em contato com a Secretaria de Saúde da Bahia e aguarda uma posição.