PUBLICIDADE

Topo

Papo Cabeça

O psiquiatra Jairo Bouer tira dúvidas sobre saúde mental


ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Jairo, quando devemos internar um familiar com um transtorno psiquiátrico?

Mais Papo Cabeça
1 | 25
Siga o VivaBem no

Jairo Bouer

Colunista do VivaBem

19/04/2022 04h00

No "Papo Cabeça" de hoje, o leitor conta que sua irmã sofre com problemas psiquiátricos, mas ele não segue a orientação médica de interná-la. "Eu acho que ela nunca vai me perdoar se fizer isso. O que eu decido?", pergunta.

O psiquiatra Jairo Bouer explica que, em geral, o tratamento de transtornos mentais costuma ser ambulatorial, ou seja, em UBS, clínicas e hospitais, sempre com o paciente em casa. "Mas, em algumas situações, a internação pode ser importante, por exemplo, quando a pessoa está com a própria vida em risco", alerta o especialista.

De acordo com Bouer, quando o paciente começa a apresentar um comportamento violento contra outras pessoas, a internação também pode ser indicada. No entanto, ele avalia que conversar com o médico e explorar todos os caminhos possíveis sempre é a melhor saída. E, caso necessário, sim, os responsáveis devem internar o paciente.

"Papo Cabeça" é um programa semanal do VivaBem em que Jairo Bouer, psiquiatra formado pela USP (Universidade de São Paulo), tira dúvidas dos leitores sobre saúde mental. Tem uma dúvida? Mande para vivabemuol@uol.com.br.