PUBLICIDADE

Topo

Ageless Talks

Um encontro virtual da geração que desafia a idade


REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Ageless Talks: Galisteu e Jairo Bouer falam sobre sexo e libido após os 45

Reprodução
Imagem: Reprodução
Silvia Ruiz

Silvia Ruiz é jornalista e trabalha com comunicação digital e PR. Durante mais de 15 anos atuou na cobertura de saúde, bem-estar e estilo de vida. É apaixonada por alimentação natural, meditação e práticas holísticas. Mãe do Tom, do Gabriel e da Myra, tem bem mais de 40 anos e está tentando aprender a viver bem na própria pele em qualquer idade.

Colunista do VivaBem

23/06/2021 12h23

"Eu sempre adorei sexo, era parte fundamental da minha vida. Mas, de uns tempos para cá não sei onde foi parar meu desejo. Estou sempre inventando desculpas, não sei como trazê-la de volta.", Mariana, 46.

"Fui mãe tarde, com 39 anos. Agora, com 45 e duas crianças em casa, sexo é a última coisa que passa pela minha cabeça; estou sempre cansada", Joana, 45.

"Estou solteiro há dois anos e a real é que mesmo podendo sair com quem quiser, não sinto a mesma ´potência´ de outros tempos. Seriam os hormônios?", Paulo, 53.

Eu recebo esse tipo de mensagem no meu perfil no Instagram quase diariamente. Se tem um assunto que lidera os temas que preocupam a geração que passou dos 45 é este: libido. É culpa dos hormônios? O casamento mais antigo acaba com o romance? O estresse de trabalhar e ainda cuidar dos filhos e dos pais idosos deixa a gente exausto e sem tempo para nada?

O fato é que muitas coisas podem fazer a libido diminuir, sim, na maturidade, mas isso não é uma regra e há meios de melhorar e viver uma sexualidade plena nessa fase.

O assunto é tão quente que vamos dedicar um painel inteiro a ele na segunda edição do Ageless Talks, evento realizado pelo VivaBem que será exibido ao vivo, nesta quinta-feira (24/6), pelo UOL, a partir das 10h30 —confira aqui a programação completa do Ageless Talks 2021, com todos os painéis e convidados.

Para discutir sobre sexo e libido entre os 45 e 65 anos, reuniremos uma dupla que adora falar do tema: a apresentadora Adriane Galisteu e o psiquiatra especialista em sexualidade Jairo Bouer. No painel, a apresentadora e o médico vão responder perguntas do público -você pode enviar a sua para o email vivabemuol@uol.com.br.

Aos 47 anos, Galisteu não tem papas na língua para falar sobre sexualidade. A mãe do Vittório, de 10 anos, vai contar como cuida da libido e da vida sexual em seu casamento de 11 anos com o empresário Alexandre Iódice.

O Ageles Talks é um grande evento virtual totalmente dedicado ao público que tem entre 45 e 65 anos, a geração que já foi batizada de ageless —ou seja, sem idade, porque desafia os clichês atribuídos à geração madura.

Com transmissão ao vivo no Canal UOL e no YouTube, o Ageless Talks começará às 10h30, com uma entrevista com a atriz Mônica Martelli. Em seguida, serão exibidos cinco painéis temáticos, que abordarão etarismo (preconceito com a idade); sexo e libido após os 50 anos; a ditadura da beleza, que faz com que muitas pessoas busquem sempre manter uma "aparência jovem"; como se reinventar na carreira e não parar de trabalhar; e como manter o corpo ativo e saudável após os 45.

Os painéis terão a participação de convidados especiais, como a apresentadora Adriane Galisteu, a jornalista Carla Vilhena, a atriz Bruna Lombardi, o jornalista Marcelo Tas e o apresentador Otaviano Costa, além de especialistas da área de cada tema.

O Ageless Talks é patrocinado por Vitasay 50+ e apoio de Bigfral Moviment.

Esperamos você para acompanhar um dia inteiro de discussões com as melhores dicas para cuidar do corpo e da mente, que vão ajudar a viver essa fase da vida plenamente.

Confira como foi o Ageless talks 2020