Topo

Transforma

Mulheres protagonizam um mundo em evolução


Como é ser mulher e ter homens ensinando a fazer seu trabalho? Veja relatos

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Da Universa

03/07/2019 14h28

Os termos manterrupting e mansplaining ainda estão presentes em ambientes de trabalho, onde mulheres ainda lutam para alcançar a igualdade de gênero. Essa foi o tema de uma discussão levantada no Twitter.

Tudo começou quando Ana Thaís, que trabalha como comentarista esportiva, questionou seus seguidores sobre como é para eles ter alguém querendo "explicar como fazer o seu [próprio] trabalho".

"Amigas e amigos, vocês que são profissionais em algo também têm sempre algum cara que não é do seu meio querendo explicar como você tem que fazer o seu trabalho? Se sim, como vcs reagem? Obrigada", escreveu.

O tuite em poucos minutos despertou a reação de várias mulheres que já se sentiram na mesma posição, em que funcionários homens decidem por questioná-las sobre sua capacidade de exercer suas respectivas funções.

Isso afeta as produtoras:

Veterinárias:

Advogadas:

Motoristas:

Em todas as profissões:

Não acontece uma, duas, três vezes. É diariamente:

Com curtos intervalos de tempo:

Questionando a capacidade das mulheres de exercerem algo que elas têm conhecimento sobre:

É cansativo ter que provar si mesma o tempo:

A reação de muitas mulheres é essa:

E uma possível segunda opção para reagir a isso é:

Mais Transforma