PUBLICIDADE
Topo

Testamos: com câmera gigante e tela ligeira, Xiaomi lança Redmi Note 10 Pro

Redmi Note 10 Pro - Renata Baptista/Tilt
Redmi Note 10 Pro Imagem: Renata Baptista/Tilt

Renata Baptista

De Tilt, em São Paulo

05/05/2021 10h00

A Xiaomi vem ampliando sua família de celulares aqui no Brasil. Hoje, serão anunciados dois lançamentos: o Redmi Note10 Pro e o Redmi Note 10 S. Os preços e maiores detalhes também serão divulgados no evento promovido pela empresa, que será transmitido por suas redes sociais a partir das 13h.

Tilt teve a oportunidade de colocar as mãos em um Redmi Note 10 Pro antecipadamente, e vamos passar algumas impressões para vocês.

Vale lembrar que uma edição limitada do celular foi vendida para fãs da marca durante o Mi Fan Festival, que aconteceu no início de abril. Na ocasião, ele foi disponibilizado apenas na cor bronze. A cor do telefone que testamos, no entanto, é um grafite bem escuro.

Redmi Note 10 Pro - Renata Baptista/Tilt - Renata Baptista/Tilt
Detalhe do conjunto de câmeras
Imagem: Renata Baptista/Tilt

O design está bem elegante, lembrando o que foi visto na família Redmi K40. A traseira é feita de vidro e o conjunto de quatro câmeras está disposto em dois níveis.

O Redmi Note 10 Pro tem bom potencial para atrair os gamers. O processador é o Snapdragon 732G, da linha intermediária da Qualcomm otimizado para rodar games.

A bateria robusta, com 5020 mAh, e a tela com 6,67" (cerca de 17 centímetros) também devem agradar quem vai jogar: a tela Amoled garante boa visibilidade e e taxa de atualização de 120 Hz - com taxa de resposta ao toque de 240 Hz - está alinhada com o que alguns flagships possuem. O orifício da câmera frontal é bem discreto, garantindo o aproveitamento praticamente total do display.

Acompanhando o celular na caixa estão o carregador rápido portátil de 33W, o cabo e uma capinha transparente de silicone para protegê-lo.

Uma novidade em relação à geração passada é que o celular tem saídas de som nas partes superior e inferior, melhorando a experiência em games e filmes com som estéreo.

O conjunto de câmeras é uma boa surpresa, principalmente se comparada à geração passada: grande angular de alta resolução de 108MP, telemacro de 5MP, ultra angular de 8MP e um sensor de profundidade de 2MP. Há ainda a câmera frontal, com 16MP. Funções como clone e time-lapse, que sempre agradam aqueles que produzem conteúdo para redes sociais, também marcam presença.

Redmi Note 10 Pro - Renata Baptista/Tilt - Renata Baptista/Tilt
Imagem: Renata Baptista/Tilt

É um celular que tem tudo para agradar o público que espera de um intermediário um desempenho premium. Se você pensa em comprá-lo para utilizar por um longo tempo, saiba que ele não é compatível à tecnologia 5G, que apesar de não ter data definida para chegar por aqui, tem promessa de chegar em breve.

A edição limitada foi vendida por R$ 3.219,99 à vista, ou R$ 3.499,99 parcelado em até 12 vezes sem juros - e os compradores ainda receberam voucher de R$ 200 para a próxima compra no site. O preço de saída não deve ficar, portanto, longe disso.