PUBLICIDADE
Topo

App


Quer streaming, mas não tem cartão? Veja meios alternativos para pagar

Alguns streaming oferecem várias opções de pagamentos - Getty Images/iStockphoto
Alguns streaming oferecem várias opções de pagamentos Imagem: Getty Images/iStockphoto

Rodrigo Lara

Colaboração para Tilt, em São Paulo

24/01/2020 04h00

Sem tempo, irmão

  • Serviços oferecem várias opções de pagamentos além do cartão de crédito
  • É possível comprar cartão pré-pago e acionar cartão de débito, entre outras
  • Exceção ocorre com o Prime Video, da Amazon, que por enquanto só aceita crédito
  • Usuário pode escolher a opção que melhor se encaixa para a sua vida

Os passos para quem quer assinar um serviço de streaming costumam ser simples: você entra no site do serviço em si, escolhe o plano, coloca os dados do cartão de crédito e pronto: já pode curtir filmes, séries e músicas. Mas e quem não tem um cartão de crédito? Bem, aí a coisa é um pouco mais complicada.

O lado bom é que os principais serviços de streaming oferecem meios alternativos para que as mensalidades sejam pagas. Veja a seguir as opções:

Netflix

A Netflix é bem democrática: se você não tiver um cartão de crédito - ela aceita as bandeiras Visa, Mastercard, American Express, Elo e Hipercard - pode assinar por outros dois meios: cartão de débito e cartão pré-pago. Em ambos os casos, a escolha é feita na própria tela após a criação da conta e a definição de um plano. Se optar por um cartão de débito, precisa ser dos bancos Caixa Econômica Federal, Itaú, Banco do Brasil, Bradesco ou Santander.

Já os cartões pré-pagos geralmente são encontrados à venda em supermercados e outros varejistas. Neste caso, basta fazer a compra nesses estabelecimentos e inserir o código desses cartões na hora de assinar o serviço.

Amazon Prime

A primeira má notícia: o pacotão da Amazon que reúne em uma única assinatura o Prime Video e o Prime Music dá como única opção o cartão de crédito, que pode ser das bandeiras Visa, Mastercard, Diners Club ou Elo. Enquanto o site de vendas da Amazon aceita meios de pagamento como cartão de débito, boleto e até vale-presente, os serviços de streaming da empresa são bastante restritos nesse sentido.

Spotify

O serviço de streaming de música Spotify também oferece boas opções para pagamento além do cartão de crédito (Visa, Mastercard, American Express, Diners Club, Elo ou Hipercard). A assinatura do serviço pode ser paga por meio de boleto bancário, cartões pré-pagos vendidos em varejistas e supermercados e também cartão de débito. Nesse último caso, o cartão pode ser dos bancos Santander, Bradesco, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco Inter ou Banco Original.

HBO Go

A forma de pagamento do HBO Go é um pouco diferente dos demais serviços de streaming: a cobrança ocorre ou pelo Google Play ou pela App Store, dependendo do sistema operacional do smartphone que você usou na hora de se cadastrar. Neste caso, o usuário terá que ter crédito em sua conta no momento que a cobrança da assinatura for efetivada. Para isso, é possível comprar cartões pré-pagos de ambas as lojas em supermercados e outros varejistas.

Deezer

Se a sua ideia é ouvir música pelo Deezer, a boa notícia é que dificilmente você terá problemas na hora de pagar pela sua assinatura Deezer Premium. O serviço aceita cartões de crédito (Visa, Mastercard, Elo, Diners Club e American Express), cartões de débito do Banco Original, do Banco Inter e do Banco do Brasil, PayPal, boleto bancário e transferência bancária.

Neste último caso, contando que o assinante seja correntista do Banrisul, do Bradesco, do Banco do Brasil ou do Itaú, é feita uma transferência bancária que funciona como um pré-pagamento - é possível pagar antecipadamente por um, três, seis ou 12 meses.

Globoplay

Aqui, de maneira similar ao que ocorre com o HBO Go, a forma de pagamento depende da plataforma pela qual você fez a assinatura do serviço. Considerando que ela tenha sido feita pelo computador, é possível pagar com cartões de crédito (Visa, Amex, Elo e Mastercard), cartões de débito (Banco do Brasil, Santander e Bradesco) ou, ainda, com débito em conta-corrente (Bradesco, Banrisul e Caixa Econômica).

Já se você assinou o serviço pelo smartphone, a cobrança é feita na App Store (iPhone) ou Google Play (Android). Neste caso, é possível "carregar" a sua conta nessas lojas usando cartões pré-pagos.