PUBLICIDADE
Topo

"Descobri que era trouxa": a história por trás de um "eu te amo" frustrado

Luciana não recebeu a resposta que desejava quando disse o primeiro "eu te amo" para o namorado - Reprodução
Luciana não recebeu a resposta que desejava quando disse o primeiro "eu te amo" para o namorado Imagem: Reprodução

Bruna Souza Cruz

De Tilt, em São Paulo

21/01/2020 10h44

Sem tempo, irmão

  • Ela compartilhou no Twitter sua tragicômica declaração de amor para o boy
  • Após falar "eu te amo", ele respondeu com um simples "aí sim, hein?!"
  • A modelo decidiu usar o bom humor após superar o coração partido

Você está lá, toma coragem, olha para a pessoa que gosta e solta o primeiro "eu te amo". O coração acelera, a expectativa do que vem a seguir faz a sua respiração mudar, os segundos parecem eternos até que a resposta vem: "Aí sim, hein?!".

A modelo Luciana Vilaça, de 19 anos, passou por algo parecido. Ela, que mora em Niterói (RJ), relatou parte de sua tragicômica declaração de amor em seu Twitter e a história, claro, viralizou. Até o momento, o tuíte já recebeu mais de 84 mil curtidas.

Inspirados, os internautas começaram a compartilhar da mesma dor... com as mais engraçadas situações.

Em entrevista a Tilt, Luciana nos contou o bastidor do "eu te amo" frustrado. Ela e o moço, com quem estava se relacionando há um tempo, viajaram para São Paulo, pois ele tinha um show. No final do evento, ela deixou a espontaneidade falar mais alto.

"Tinha sessão de foto com os fãs e eu fiquei lá esperando. Quando acabou, ele veio e me abraçou. Aí eu soltei um 'eu te amo' e ele me respondeu com um "aí sim, hein?!", e saiu andando para ir embora", lembrou. "Fiquei extremamente desconfortável e com raiva, claro."

A modelo ainda chegou a questionar o namorado e ele teve coragem suficiente para repetir o que tinha dito.

"Acabou que não durou. Descobri que eu era mais trouxa do que eu imaginava [risos]. Eu o amava, mas depois de tudo não tinha como continuar insistindo em algo que não fluía", acrescentou —amor próprio que fala, não?

A relação dos dois durou um total de oito meses. Depois de superar esse "fora", Luciana preferiu rir da própria situação. Nada como bom humor para superar um coração partido.

Se você estiver na sofrência, aproveite para acompanhar os relatos de outros internautas. Algumas boas risadas certamente vão surgir:

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS